Clique e assine por apenas 6,90/mês

Nove saborosos achados de botecos em São Paulo

De feijoada a pastel, conheça delícias preparadas pelas cozinhas de bares

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 14 fev 2020, 15h58 - Publicado em 14 fev 2020, 06h00

Preparamos uma lista com nove botecos na cidade que servem bons petiscos e pratos. Confira.

FEIJOADA COMPLETA
Premiada como a melhor receita de boteco em 2018, a feijoada do Bar do Giba é servida aos sábados e domingos. as cumbucas são montadas sobre a chapa quente às 8 da manhã. A ideia é que, até a hora de abrir, a pedida (R$ 169,00, para três) apure o sabor. No cozido de feijão vão carne-seca, lombo, costela, linguiça portuguesa, paio, língua, pé, orelha e rabo. Arroz, bisteca, farofa, couve, linguiça frita, banana à milanesa e torresmo acompanham. Avenida Moaci, 574, Moema, tel. 5535-9220.

BOLINHOS DE RENOME
Fundado em 1970 pelo casal Luiz e Idalina Fernandes, o Bar do Luiz Fernandes serve bolinhos de dar água na boca. O chamado brasileirinho (R$ 6,00 a unidade) tem casquinha dourada, massa de mandioquinha e recheio que mistura couve a pertences de feijoada. É uma delícia. Para acompanhar, há cerveja em garrafa de 600 mililitros (Serramalte, r$ 14,00). Rua Augusto Tolle, 610, Mandaqui, tel. 2976- 3556.

Brasileirinho: bolinho do Bar do Luiz Fernandes Ligia Skowronski/Veja SP

MOELA DE COLHER
O Bar Quintal da Mooca foi duas vezes o campeão da categoria boteco em VEJA SÃO PAULO COMER & BEBER, nos anos 2014 e 2015. Os petiscos fazem os frequentadores não hesitar em voltar. Na lista das boas receitas está a moela banhada em molho de tomate (R$ 39,90). A porção é decorada com pimenta-biquinho e vem com pão francês e farinha de mandioca como guarnições. Rua Lituânia, 454, Mooca, tel. 3807-6371.

PESCADOS DA LUSA
Quem toca o Academia da Gula há 27 anos é Rosa Brito, portuguesa da cidade de Barcelos, em Braga. Com isso, fica fácil adivinhar que os petiscos por ali têm sotaque lusitano. O arroz dedicado ao ator Rodrigo Hilbert combina bacalhau com tomate e vem salpicado de salsinha. Custa R$ 45,90. Rua Caravelas, 374, Vila Mariana, tel. 5572-2571.

Continua após a publicidade
Arroz Rodrigo Hilbert: receita do Academia da Gula Rogerio Albuquerque/Veja SP

HAMBÚRGUER BEM TRATADO
No Boteco Mano do Céu, os pedidos se concentram no melhor item do cardápio, o hambúrguer em quatro versões. Raramente tratado tão bem num barzinho, o sanduba leva um úmido disco de acém e peito no brioche tostado na chapa com complementos como queijo cheddar, alface e tomate (R$ 27,00). Rua Ferreira de Araújo, 1007, Pinheiros, tel. 2372-7770.

PASTEL DE MASSA MACIA
Beeem antigo, o Bar do Luiz Nozoie tem aspecto de pé-sujo. Nada que abale, porém, a qualidade do que se prova ali. Embora sejam chamados de pastéis, os pequenos rissoles macios podem ser recheados de carne, queijo ou camarão com catupiry (R$ 3,00 a unidade). A caipirinha, potente, custa R$ 15,00. Avenida do Cursino, 1210, Jardim da Saúde, tel. 5061-4554.

Do Boteco Mano do Céu: cheese salada Rodrigo Vieira/Divulgação

NO PÃO FRANCÊS
De tão cheias as prateleiras do Botequim do Hugo, a impressão que dá é que não cabe mais nada ali além de bugigangas antigas, como rádio e balança. Nesse clima meio caótico e nostálgico, o público prova um buraco quente (R$ 10,00) dos bons. No pão francês sem miolo vai com carne moída úmida no recheio. Por mais R$ 2,00, é incrementado com queijo gorgonzola ou prato. Rua Pedroso Alvarenga, 1014, Itaim Bibi, tel. 3079-6090.

PASTEL COM HORA MARCADA
Frequentada por jornalistas, músicos e universitários, a Mercearia São Pedro tem tanto agito que quase sempre a galera acaba invadindo a calçada. Animado, o público toma cerveja em garrafa (Original, R$ 11,90) e aguarda os funcionários oferecerem o pastel (R$ 6,00) de mesa em mesa, sempre das 19h às 22h. Carne moída, carne-seca, palmito e pizza estão entre as opções. Rua Rodésia, 34, Vila Madalena, tel. 3815-7200.

Moela com molho de tomate: prato do Bar Quintal da Mooca Mario Rodrigues/Veja SP

NOBRE EMPADINHA
O pessoal do bairro se reúne nas mesinhas na calçada no Pé pra Fora. No salão fica uma vitrine com delícias para petiscar, como a empada de palmito. Além de cheia de sabor, ela se desfaz na boca deliciosamente (R$ 6,70). Cervejas em garrafa saem a partir de R$ 11,50, preço da Brahma e da Skol. Avenida Pompeia, 2517, Sumarezinho, tel. 3672-4154.

Continua após a publicidade
Publicidade