Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Menu grego: as melhores mussakás

A receita, que tem berinjela como base, brilha em quatro restaurantes da cidade

Por Arnaldo Lorençato e Saulo Yassuda 30 jun 2017, 14h13

Acrópoles. Na casa grega que foi do saudoso seu trasso Petrakis (1918-2016), hoje nas mãos da filha Niqui, essa é uma das receitas preferidas da clientela, que escolhe o prato na cozinha. Com berinjela, batata e carne moída, custa R$ 32,00.

Firin Salonu. Assim como outros itens do almoço, a mussaká (R$ 28,90), que aqui leva carne de cordeiro e molho branco, vai na marmitinha de alumínio. Pronta na vitrine, vem com três acompanhamentos.

Kouzina. A pedida preparada com berinjela, batata, carne moída, bechamel e parmesão para gratinar custa R$ 38,00 no endereço caçula do MYK, a outra casa de cozinha grega da chef Mariana Camargo Fonseca.

Saj. Chega em uma panelinha, coberta de molho branco (R$ 44,00). Para acompanhar as fatias de berinjela entremeadas de carne moída e tomate, há arroz com macarrão cabelo de anjo.

Continua após a publicidade

Publicidade