Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 29 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

MasterChef ostentação: caviar, foie gras e champanhe na cozinha dos profissionais

Como anunciei previamente, dei uma escapulida no feriado de 15 de novembro e fui conhecer Manaus. Que cidade incrível. Além disso, os manuaras estão entres as pessoas mais gentis e atenciosas desse Brasilzão. Resultado, na hora do MasterChef estava na sala de embarque do aeroporto, onde, em vez de competição culinária, pude ver a seleção […]

Por Arnaldo Lorençato Atualizado em 25 fev 2017, 21h09 - Publicado em 22 nov 2016, 17h45
MasterChefe_ep08_marcelo

O viajandão Marcelo: temido depois de ter vencido no programa anterior (Fotos: Carlos Reinis/Band)

Como anunciei previamente, dei uma escapulida no feriado de 15 de novembro e fui conhecer Manaus. Que cidade incrível. Além disso, os manuaras estão entres as pessoas mais gentis e atenciosas desse Brasilzão. Resultado, na hora do MasterChef estava na sala de embarque do aeroporto, onde, em vez de competição culinária, pude ver a seleção brasileira despachando o Peru com golaços de Gabriel de Jesus e de Renato Augusto. Final das contas, perdi a polêmica eliminação do João. Até pito da Ana Paula Padrão o bocudão levou. “A linha entre a opinião forte e a arrogância é muito tênue”, disparou a “leiga” que sabe das coisas. Será que ele aprendeu?

+ Minha avaliação dos restaurantes dos MasterJurados

Aliás, essa foi uma edição com frases constrangedoras e, ao mesmo tempo, de morrer de rir dos juradões Paola Carosella (Arturito e La Guapa Empanadas), Henrique Fogaça (Sal Gastronomia, JamileAdmiral’s Place e Cão Véio) e Erick Jacquin (Tartar & Co e Le Bife). Quase sempre, as melhores partiram de Carosella. Exemplos?

“O cordeiro já morreu. Vocês não precisam assassiná-lo de novo”

“Você grelha a carne, cria a crosta e coloca o molho frio por cima: é o suicídio do açougueiro”

Por outro lado, Fogaça rock and roll demonstrou ser um homem de gestos finos quando fez um gesto na linha top, top, top para indicar que alguém dançaria com cordeiro destrinchado. Top, top, top. SQN.

Ivo mais uma vez atacou na linha líder, digamos, indelicado e misógino. Mandou a Dayse pegar uma vassoura e varrer o chão. Foi de doer essa postura profissional.

A Fádia, por sua vez, fez a vítima e reclamou quando foi obrigada a trinchar o cordeiro: “Dois homens na equipe, mas acho que não tão valendo por um”. Por direitos iguais na cozinha, não é não?

Ou seja, foi um programa intenso.

MasterChefe_ep08_chocolatier

Alexandre Costa, da Cacau Show: quem vai se dar bem ao fazer suflê de chocolate? (Crédito: Carlos Reinis/Band)

Hoje, tem caixa ostentação. Luxo puro: foie gras, kobe beef, caviar e champanhe. A ideia é produzir a refeição mas requintada da vida deles. Ingredientes não faltam. Pode faltar é competência diante de tanta exuberância. Não são ingredientes simples para trabalhar.

Continua após a publicidade

+ MasterChef: afinal, os participantes cozinham bem?

Em seguida, há duas provas de pressão. Primeiro, os concorrentes terão de fazer um clássico café da manhã à francesa – olha o dedo do Jacquin aí. A receita é o ovo en meurette, preparado com a clara cozida e a gema crua sobre molho de vinho tinto com bacon e cogumelo-de-paris.

Para arrematar com um docinho, chegará a hora de fazer suflê de chocolate. Esse é o terror de qualquer confeiteiro, ainda mais se o suflê não subir ou murchar. Que terror!

No começo do episódio de hoje, Ana Paula Padrão, sempre ela que pontua o programa com elegância, fará uma enquete entre os participantes. Eles precisarão indicar quem é o mais forte e o mais fraco da competição. Depois da lavada na semana anterior, todos rendem homenagem ao Marcelo. Por outro, avaliam a Dayse como café com leite. O menosprezo maior vem de quem? Sempre ele, o Ivo. Dureza.

Caderno de receitas:
+ Espaguete com queijo grana padano, do Nico Pasta & Basta
+ Il vero fettuccine Alfredo di Roma
+ Tiramisu original. É  bico!
+ Petit gâteau, do chef Erick Jacquin

Obrigado pela visita. Aproveite para deixar seu comentário, sempre bem-vindo, e curtir a minha página no Facebook. Também é possível saber as novidades pelo Twitter e pelo Instagram.

Conheça os participantes e escolha para quem vai torcer:

#gallery-2 {
margin: auto;
}
#gallery-2 .gallery-item {
float: left;
margin-top: 10px;
text-align: center;
width: 33%;
}
#gallery-2 img {
border: 2px solid #cfcfcf;
}
#gallery-2 .gallery-caption {
margin-left: 0;
}
/* see gallery_shortcode() in wp-includes/media.php */

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Edições da VejaSP liberadas no App Veja de maneira imediata

a partir de R$ 12,90/mês