Clique e assine por apenas 6,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 28 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

Rodolfo De Santis cria menu de pescados no Da Marino; leia minha crítica

O restaurante, que bomba desde a inauguração em março, é mais um endereço no Itaim Bibi comandado pelo cozinheiro

Por Arnaldo Lorençato - Atualizado em 11 ago 2018, 00h26 - Publicado em 20 jul 2018, 07h00

Uma Itália que passeia pelo mar. Eis o conceito do Da Marino, que bomba desde a inauguração, em março. E não se trata de mais uma casa da moda, mas de uma reafirmação do talento do chef Rodolfo De Santis tanto na cozinha quanto para fazer negócios.

Chef Rodolfo De Santis: talento na cozinha e nos negócios Romero Cruz/Veja SP

Não por acaso, o cozinheiro vem se tornando o manda-chuva gastronômico de um pedacinho do Itaim. Ali, está seu primeiro sucesso, o Nino Cucina, com um menu de trattoria mais caprichada.

É também na mesma quadra — cuja calçada foi reformada pelo grupo empresarial do qual ele é sócio e que dobrou de tamanho a um custo de pouco mais de 1 milhão de reais — que será aberto, no fim de agosto, o grill à italiana Giulietta. Do outro lado da rua, no ponto onde ficava o bar Piove, um restaurante de culinária mais refinada.

Simples, mas memorável: ouriço-do-mar sobre folha de manjericão, burrata e tomatinhos Romero Cruz/Veja SP

No Da Marino, De Santis investe em matéria-prima de primeira qualidade para produzir algumas receitas tão simples quanto memoráveis. É o caso do ouriço-do-mar assentado numa folha de manjericão gigante sobre burrata de produção própria e tomatinhos (R$ 48,00) e do robalo cru (R$ 32,00), amanteigado de tão macio, com azeite aromatizado por manjericão, uvas verdes, pistache e um creme de ricota que não agrega tanto quanto os demais ingredientes.

Grelhado só no lado da pele, o ótimo pargo faz par com salada de rúcula e batatinhas mais berinjela e tomate sweet grape defumados (R$ 160,00).

Pargo: grelhado no lado da pele, faz par com salada de rúcula e batatinhas mais berinjela e tomate sweet grape defumados Romero Cruz/Veja SP

De sabor mais intenso, o espaguete de cozimento perfeito é banhado de um saboroso molho de lagosta e enfeitado pela carapaça do molusco (R$ 85,00). Chamada de limão (R$ 32,00), a melhor sobremesa da casa tem o formato da fruta e é feita de creme de limão-siciliano com merengue recheado de abacaxi caramelado e envolto na película de chocolate branco.

De sabor intenso: espaguete banhado no molho de lagosta e enfeitado pela carapaça do molusco Romero Cruz/Veja SP

Avaliação: MUITO BOM (quatro estrelas)

Clique para conferir o cardápio:

Divulgação/Divulgação

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

Valeu pela visita! Volte sempre e deixe seu comentário. Aproveite para curtir minha página no Facebook e minhas postagens no Instagram. As novidades quentes aparecem também no meu Twitter.

Continua após a publicidade
Publicidade