Filial (Desde 2000)

Tipos de Bares: Chope e cerveja
VejaSP
starsstarsstarsstarsstars
Endereço: Rua Fidalga, 254 - Vila Madalena - São Paulo - SP ver no mapa
Telefone: (11) 38139226
Horário:
segunda-feira
16:00 - 03:00
terça-feira
16:00 - 03:00
quarta-feira
16:00 - 03:00
quinta-feira
16:00 - 03:00
sexta-feira
16:00 - 03:00
sábado
12:00 - 03:00
domingo
12:00 - 03:00
Nos feriados funciona a partir das 12h.
payment

Formas de pagamento

Cartões de crédito: Visa, Mastercard, Diners e American Express
Cartões de débito: Visa Electron, Rede Shop e Maestro

check_circle

Informações adicionais

Estacionamento/Valet (R$ 25,00), Lugares/Capacidade total (150 lugares)

Resenha por Saulo Yassuda e Gabrielli Menezes

Este que é um dos bares mais tradicionais da Vila Madalena, com dezoito anos de existência. O chão quadriculado em branco e preto, os garçons de gravata-borboleta que não deixam os copos ficar vazios e o horário estendido, que avança como quase o de nenhum outro bar na capital viraram marcas da casa. Ir ao Filial significa tomar muitos chopes (Brahma, R$ 8,60) e ao menos provar uma das cinquenta variedades de cachaça. Se quiser uma caipirinha, pule a clássica e fique com a variação de maracujá com limão-cravo, gengibre e pimenta-biquinho (R$ 25,00). Para mordiscar, avance no churrasquinho (R$ 29,00), que traz o bife úmido com queijo mussarela no pão crocante. A ca-prichada feijoada (R$ 98,00), oferecida aos sábados e domingos, é das boas. O bar irmão Genial (Rua Girassol, 374, Vila Madalena, tel. 3812-7442) já não tem a mesma qualidade de anos atrás.

Informações checadas entre julho e setembro de 2018.

    CAIPIRINHAS CRIATIVAS

    Até o dia 16, rola a terceira edição do festival de caipirinhas no Filial. Aos domingos, bartenders que dão expediente na cidade ocupam o balcão do boteco chique para preparar receitas criativas do clássico nacional. No dia 9, Royter Correia, do The Juniper 44º, no Itaim Bibi, sugere versões como a de cachaça, limões taiti e siciliano, hortelã e açúcar mascavo (R$ 25,00). O evento vai das 13h às 16h.

    (Por Saulo Yassuda)

    Informações checadas em dezembro de 2018.

    Comer e beber

    • 2018 - Participante

      Chope e cerveja Comer & Beber .

      Este que é um dos bares mais tradicionais da Vila Madalena, com dezoito anos de existência. O chão quadriculado em branco e preto, os garçons de gravata-borboleta que não deixam os copos ficar vazios e o horário estendido, que avança como quase o de nenhum outro bar na capital viraram marcas da casa. Ir ao Filial significa tomar muitos chopes (Brahma, R$ 8,60) e ao menos provar uma das cinquenta variedades de cachaça. Se quiser uma caipirinha, pule a clássica e fique com a variação de maracujá com limão-cravo, gengibre e pimenta-biquinho (R$ 25,00). Para mordiscar, avance no churrasquinho (R$ 29,00), que traz o bife úmido com queijo mussarela no pão crocante. A ca-prichada feijoada (R$ 98,00), oferecida aos sábados e domingos, é das boas. O bar irmão Genial (Rua Girassol, 374, Vila Madalena, tel. 3812-7442) já não tem a mesma qualidade de anos atrás. (Informações checadas entre julho e setembro de 2018).

      Saulo Yassuda e Gabrielli Menezes

    • 2017 - Participante

      Chope e cerveja Comer & Beber .

      Reduto muito procurado na alta madrugada. É difícil não se sentar e já pedir um chope (Brahma, R$ 8,60), de colarinho cremoso. O espaço, de feições nostálgicas, abriga uma prateleira com mais de cinquenta variedades de cachaça. Além da coxinha de tamanho individual (R$ 10,00), peça o caldo de feijão-preto (R$ 14,00). Dos mesmos donos, o Genial (Rua Girassol, 374, Vila Madalena, ☎ 3812-7442) tem cardápio parecido. (Preços checados em setembro de 2017).

      Saulo Yassuda e Fábio Galib

    • 2016 - Participante

      Bares chope e cerveja Comer & Beber .

      Foi o primeiro endereço (ainda em atividade) inaugurado pelos irmãos Altman na Vila Madalena. A cozinha segue até as 3h30 às sextas e aos sábados, o que fez com que a casa ganhasse status de bar de fim de noite. O salão, com jeito de boteco antigo, fecha mais tarde ainda. Os garçons, espertos, ficam de olho nas mesas e repõem rapidamente (até demais) o bem tirado chope Brahma (R$ 7,90). Há também cerca de cinquenta rótulos de cachaça. A linguiça toscana na chapa chega junto de farofinha e couve frita (R$ 34,50). (Preços checados em setembro/outubro de 2016.)

      Fábio Galib e Saulo Yassuda

    • 2015 - Participante

      Bares chope e cerveja Comer & Beber .

      Tornou-se o bar número 2 de muito frequentador da Vila Madalena. Isso porque, como o lugar fecha tarde — a cozinha alcança as 3h30 às sextas e aos sábados —, costuma receber boêmios emigrantes de estabelecimentos menos notívagos do bairro. O lugar acolhe ainda tipos que trabalham até tarde e querem tomar alguns (muitos) chopes antes de voltar para casa, caso de músicos e jornalistas. A bebida, da marca Brahma e de colarinho alto e cremoso, custa R$ 7,10. Apesar de os garçons circularem com as bandejas repletas de copos da bebida, o líquido está sempre gelado e fresquinho. Feitas com apuro, as caipirinhas aparecem em versões como as de limões taiti, siciliano e cravo (R$ 23,00), deliciosa. Se preferir uma purinha, a Canarinho, de Salinas (MG), é tão boa quanto cara. Sai por R$ 19,00. Para confortar o estômago, a galinha afogada (R$ 42,00) vem na forma de um fumegante e molhadinho arroz misturado a lascas de frango e coberto de rodelas de paio. (Preços checados em setembro/outubro de 2015).

      Saulo Yassuda

    • 2014 - Participante

      Bares chope e cerveja Comer & Beber .

      Já tem status de clássico este boteco arrumadinho, repleto de fãs cidade afora, sobretudo acadêmicos, músicos, jornalistas e publicitários. Trata-se do mais antigo dos endereços da família Altman, que toca o Genésio, o Genial e o Mundial, todos no mesmo bairro. Muito bem-sucedida, a fórmula do bar já é bem conhecida: chope cremoso (Brahma, R$ 7,10), petiscos no capricho e expediente alongado, que pode passar das 4 da manhã às sextas e aos sábados. Garrafas de cachaça — há mais de cinquenta sugestões na carta — enfileiram-se na estante e ajudam a compor a decoração antiguinha aliada ao piso quadriculado e às mesas com tampo de mármore. Além do famoso caldinho de feijão (R$ 12,00), que chega com torresmo, e do cremoso bolinho de arroz (R$ 26,00 a porção), a linguiça toscana grelhada (R$ 34,50) merece ser pedida. Ela vem na chapa com farofa de couve e vinagrete. (Preços checados em 17 de setembro de 2014.)

      Saulo Yassuda

    • 2013 - Participante

      Bares fim de noite Comer & Beber .

      Este é o melhor dos quatro endereços dos irmãos Altman pela regularidade da cozinha. Também é um lugar dedicado à boêmia tardia: aberto durante toda a madrugada, serve um excelente chope (R$ 6,90), caipirinhas (R$ 18,50, com cachaça especial) e cachaças (a carta possui 55 opções). Tome uma dose da Montanhesa premium (R$ 17,00), feita na cidade mineira Araguari e que descansa por cinco anos em tonéis de bálsamo, ou da baiana Abaíra (R$ 7,50), da cidade homônima. As mesinhas da calçada são as mais disputadas por uma turma que já passou dos 30 anos e continua procurando alguém para chamar de seu. Entre os pratos da cozinha, vá na certeira galinhada afogada (R$ 36,00), um consistente, saboroso e molhadinho arroz de frango. (Preços checados em setembro/outubro de 2013).

      Luiz Henrique Ligabue e Marcelo Cobra

    • 2012 - Indicado

      Bares bolinho Comer & Beber .

      Apesar da profusão de bares, a Vila Madalena tem poucos endereços com horário de funcionamento que avança a madrugada. O mais famoso deles é o Filial, cujo sucesso estimulou seus donos a abrir mais duas casas ali perto — o Genésio (bem em frente) e o Genial (na Rua Girassol). Decorado por garrafas de cachaças e outras bebidas, além de caricaturas de artistas da MPB, o salão de piso quadriculado costuma atrair boêmios, jornalistas, publicitários e culturetes. Para acompanhar o chope (Brahma), de colarinho regulamentar, a cozinha faz bonito no cremoso bolinho de arroz com formato de croquete e na alheira, embutido típico português preparado na chapa.

      Veja SP

    • 2011 - Indicado

      Bares botecos Comer & Beber .

      Mantém intacta sua alma boêmia desde a abertura, em 2000. À medida que os outros bares da Vila Madalena vão fechando as portas, o povo toma o rumo do Filial, onde os garçons recebem os clientes com simpatia mesmo às 2 da manhã. Não estranhe encontra-lo mais lotado no meio da madrugada do que, por exemplo, às 11 da noite. Chope (Brahma) tirado no capricho e uma vasta coleção de cachaças embalam as conversas noite adentro. Antes de ir embora, na tentativa de recobrar a sobriedade, peça um dos saborosos caldinhos, como o de mandioca com carne-de-sol e o de mandioquinha, camarão e gorgonzola. Os donos são os mesmo dos também concorridos Genésio e Genial.

      Veja SP

    • 2010 - Participante

      Bares fim de noite Comer & Beber .

      Estabelecimento faz parte da edição Comer & Beber 2010/2011

      Veja SP

    • 2006 - Vencedor

      Bares fim de noite Comer & Beber .

      Vitorioso pelo quarto ano seguido, o Filial tornou-se referência na alta madrugada paulistana. É comum chegar ao boteco da Vila Madalena depois das 2 da manhã e, ainda assim, ter de esperar para se sentar. Com caricaturas de músicos nas paredes e piso quadriculado, atrai toda noite boêmios de carteirinha interessados em discutir atualidades, cinema, política e o que mais der na cachola. O bem tirado chope (Brahma) contribui para que os freqüentadores se esqueçam das horas. Lá pelas tantas, antes de pedir a conta, escolha um dos vigorosos caldos preparados pelo cozinheiro Antônio Ferreira Lima, o Toninho, como o de mandioquinha com gorgonzola e camarão. São santos da casa que podem ajudar a acordar com a cabeça mais leve no dia seguinte. Em tempo: os proprietários do Filial (os mesmos do Genésio, que fica em frente) prometem abrir neste mês mais um bar de perfil notívago – o Genial, na Rua Girassol.

      Veja SP

    • 2005 - Vencedor

      Bares fim de noite Comer & Beber .

      Veja SP

    Comentários
    Deixe um comentário

    Olá,

    * A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google

    Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s

    1. I loved your blog article. Really Cool. gagdedkdedgeeeed