Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Quatro restaurantes para comer no museu

Seleção de Veja São Paulo para uma refeição dentro de um centro cultural

Por Redação VEJA São Paulo 10 ago 2018, 07h00

Museu é lugar de arte, de encontros e… de comer! Fizemos uma seleção de quatro restaurantes localizados dentro de centros culturais em São Paulo. Confira a lista a seguir.

Balaio IMS. O restaurante ocupa parte do térreo do Instituto Moreira Salles, megacentro cultural na avenida Paulista. O cardápio é criado pelo chef Rodrigo Oliveira, do Mocotó e do esquina Mocotó, na Vila Medeiros. a lista traz receitas como o peixe do dia, que pode ser a tainha, que ganha a companhia de pirão de frutos do mar, farofinha e banana-da-terra. Custa R$ 59,00.

Prêt. O Prêt Café, nos Jardins, tem uma unidade no Museu de Arte Moderna, no Parque Ibirapuera, e funciona com o sistema de bufê. a seleção de saladas inclui folhas frescas e um mix à moda oriental de broto de feijão, cenoura e acelga. Dos quentes, podem surgir o risoni preparado como um risoto com cenoura e a açorda de bacalhau. Custa R$ 61,00 (terça a sexta) e R$ 66,00 (sábado e domingo).

Santinho. No Instituto Tomie Ohtake e no Museu da Casa Brasileira, a chef Morena Leite mantém bufês com pedidas saborosas (R$ 58,00, de terça a sexta; R$ 86,00, nos fins de semana, com sobremesa). O vinagrete de abacaxi complementa sugestões em revezamento como frango assado úmido e peixe à tailandesa, além de arroz integral e lentilha.

Cordeiro com maniva e banana (R$ 89,00): no Vista, junto do MAC Clayton Vieira/Veja SP

Vista. O restaurante ocupa a cobertura do antigo prédio do Detran, que desde 2012 abriga o Museu de arte Contemporânea (MAC-USP). O chef Marcelo Corrêa Bastos, também do Jiquitaia, atrai multidões no jantar e nos fins de semana com sugestões bem brasileiras como a coxa, sobrecoxa e peito de pato no tucupi mais caldo de jambu adicionado na mesa e servido com arroz e farinha (R$ 99,00).

  • Continua após a publicidade
    Publicidade