Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

MC Kevin: o que se sabe até agora sobre a morte do cantor de 23 anos

Funkeiro caiu da sacada de um hotel no Rio; modelo disse que ele tentava pular de um quarto para outro quando caiu

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 18 Maio 2021, 18h44 - Publicado em 17 Maio 2021, 11h20

A polícia civil do Rio de Janeiro segue investigando a causa da morte de Kevin Nascimento Bueno, o MC Kevin, e não descarta a possibilidade de que ele tenha tentado pular da sacada do quarto de seus amigos. O funkeiro morreu após cair do quinto andar de um hotel na Barra da Tijuca no último domingo (16). Anteriormente, a informação era de que ele havia caído do 11º andar.

No momento da tragédia, MC Kevin estava no quarto de um casal de amigos. As autoridades fizeram a perícia nesse local e também no quarto onde o cantor estava hospedado. Foi solicitado também um exame toxicológico no corpo do cantor ao Instituto Médico Legal. Um laudo geral do IML deve ficar pronto esta semana.

LEIA TAMBÉM: A mãe de MC Kevin prestou homenagem ao filho: ‘Foi embora um pedaço de mim’

Em seu depoimento à polícia, a modelo fitness Bianca Domingues disse que Kevin tentou pular para outro quarto pela varanda por medo de sua mulher descobrir a traição quando o acidente aconteceu. O cantor teve relações sexuais com a modelo, por isso teria tentado sair do quarto quando achou que seria descoberto pela mulher. “Ele não aguentou se pendurar e voltar e acabou caindo”, relatou Bianca em declaração ao jornal O Globo.

Até o momento, prestaram depoimentos Deolane Bezerra, advogada e esposa de Kevin, amigos do cantor e sua equipe de produção. Pessoas do local também foram ouvidas pela polícia. Foram apreendidos cinco celulares para perícia, entre eles, o da viúva, que se recusou a dar a senha de desbloqueio do aparelho. 

Em seu depoimento, Deolane afirma que houve um ‘mal-entendido’ entre ela e Kevin no dia da morte. Ela teria dito a ele que seus amigos estavam atrapalhando a relação do casal. No velório do cantor, ela chegou a dizer que ele tinha amigos ‘sanguessugas’

“Família é pai, mãe, irmão. Isso aqui é coisa de falso amigo. Eu cansei de falar para o Kevin tomar cuidado, abrir o olho. Ele tinha muito amigo falso, sanguessuga. Isso aqui [morte do cantor] é amizade. Cansei de falar para o Kevin que tudo tem consequência na vida”, desabafou Deolane na ocasião.

MC Kevin foi um funkeiro de sucesso e contava com quase 10 milhões de seguidores no Instagram. No Spotify, seu perfil possui média de dois milhões de ouvintes mensais. Segundo o site de sua produtora, KondZilla, ele foi ao Rio de Janeiro junto dos MCs Bruninho da praia e FK para se apresentar em uma balada em Jacarepaguá, o que está proibido por causa da Covid-19. MC Kevin morava em Mogi das Cruzes, em São Paulo, e se casou há duas semanas em uma praia do México.

+Assine a Vejinha a partir de 8,90.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade