Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 29 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

Comer & Beber 2021: Lido Amici di Amici é a trattoria bicampeã

A casa do italiano Roberto Rebaudengo volta ao pódio com receitas, principalmente da região da Ligúria, recriadas por ele

Por Arnaldo Lorençato Atualizado em 22 out 2021, 16h29 - Publicado em 21 out 2021, 21h21

Foi um susto. Em abril e maio deste ano, o Lido Amici di Amici deixou de funcionar. Não passou, porém, de um recesso para serenar as turbulências de mais um fechamento do comércio provocado pela pandemia. Felizmente, o chef e sócio Roberto Rebaudengo retomou com tudo as atividades da charmosa e piccolina trattoria, campeã no ano passado e que nesta edição volta ao lugar máximo do pódio.

Ainda que mantendo o necessário distanciamento, em especial no mesão coletivo do térreo, coberto por azulejos brancos, o público vai em busca, principalmente, de receitas típicas da Ligúria recriadas pelo cozinheiro, que está há doze anos no Brasil. Sobram exemplos de opções cheias de sabor vindas de Gênova.

+ Conheça os melhores restaurantes do guia VEJA SÃO PAULO COMER & BEBER 2021/2022

Roberto Rebaudengo de camiseta branca e avental azul apoiado em frente à parede de tijolos brancos na Lido Amici di Amici.
Roberto Rebaudengo, italiano responsável pelas boas receitas Ligia Skowronski/Veja SP

+ Clique aqui para conhecer todos os campeões de 2021

É o caso da pizzata, uma focaccia sem fermento recheada de queijo stracchino que pode receber coberturas como pesto, queijo burrata e pinhole (R$ 68,00). Uma pedida típica de inverno, o minestrone traz feijão fresco mais legumes em cubos e é finalizado com pesto (R$ 42,00) — o cozinheiro recomenda que se coma frio nos dias mais tórridos.

Continua após a publicidade

Clássico do Piemonte, o agnolotti del plin (R$ 68,00) é recheado de brasato, uma carne de cocção lenta que depois de pronta se junta a couve cavolo nero e queijo nacional Tulha. Após o cozimento da massa, recebe um substancioso molho de carne. Banhada por uma fresquíssima calda de frutas vermelhas, a panacota (R$ 34,00) é o desfecho ideal para a refeição.

Lido Amici di Amici
Salão e retiradas: Rua Fradique Coutinho, 282, Pinheiros, tel. 2384-9839. Delivery: iFood. Tem acessibilidade.

Avaliação: BOM (✪✪✪)

Assine a Vejinha a partir de 12,90 mensais

Valeu pela visita! Para me seguir nas redes sociais, é só clicar em:
Facebook: Arnaldo Lorençato

Instagram: @alorencato
Twitter: @alorencato

Para enviar um email, escreva para arnaldo.lorencato@abril.com.br

Caderno de receitas:
+ Fettuccine alfredo como se faz em Roma

Continua após a publicidade

Publicidade