Bistrot de Paris (Desde 2012)

Tipos de Restaurantes: Franceses
VejaSP
starsstarsstarsstarsstars
Endereço: Rua Augusta, 2542 - Villa San Pietro - Jardim Paulista - São Paulo - SP ver no mapa
Telefone: (11) 30631675
Horário:
segunda-feira
Fechado
terça-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:30
quarta-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:30
quinta-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:30
sexta-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00
sábado
12:00 - 17:00 - 19:00 - 00:00
domingo
12:00 - 15:30
monetization_on

Faixa de preço

De R$111,00 a R$165,00

payment

Formas de pagamento

Cartões de crédito: Visa, Mastercard, Diners e American Express
Cartões de débito: Visa Electron, Rede Shop e Maestro

check_circle

Informações adicionais

Estacionamento/Valet (R$ 20,00) (1), Acesso para deficientes, Lugares/Capacidade total (120 lugares), Comida (couvert) (R$ 16,00), Levar vinhos (permite) (R$ 80,00) (2)

(1)no jantar e sábado e domingo, (2)Com restrição

Resenha por Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

O francês Alain Poletto é o responsável pelas receitas, anotadas numa lousa levada à mesa pelo garçom e no menu em forma de jornal. O trio de tartines (R$ 34,00), as torradas francesas, vem com três coberturas: salmão defumado e creme azedo, pato com patê de fígado de galinha e terrine de porco. Na ala dos pratos, o entrecôte de black angus grelhado chega ao lado de molho béarnaise e batatas fritas cortadas de forma irregular, deliciosamente crocantes. Sai a R$ 79,00. Receita pouco francesa, a pescada-amarela com leite de coco, azeite de dendê e arroz basmati é das boas (R$ 76,00).

Informações checadas entre julho e setembro de 2018.

    RECÉM-CHEGADOS AO BISTRÔ

    Escondido nos fundos de uma vila, o Bistrot de Paris incrementou o cardápio. A saucisse au chou (R$ 59,00), linguiça de carne suína e repolho defumada, vem com batata, cenoura, mandioquinha e ervilha-torta cozidas. “É uma sugestão do dia, mas a temos quase sempre”, diz o chef Alain Poletto. Os simpáticos garçons também levam à mesa o carré de cordeiro com vegetais assados e purê de alho confitado (R$ 120,00, para dois).

    (Por Saulo Yassuda)

    Informações checadas em fevereiro de 2019.

    Comer e beber

    • 2018 - Participante

      Franceses Comer & Beber .

      O francês Alain Poletto é o responsável pelas receitas, anotadas numa lousa levada à mesa pelo garçom e no menu em forma de jornal. O trio de tartines (R$ 34,00), as torradas francesas, vem com três coberturas: salmão defumado e creme azedo, pato com patê de fígado de galinha e terrine de porco. Na ala dos pratos, o entrecôte de black angus grelhado chega ao lado de molho béarnaise e batatas fritas cortadas de forma irregular, deliciosamente crocantes. Sai a R$ 79,00. Receita pouco francesa, a pescada-amarela com leite de coco, azeite de dendê e arroz basmati é das boas (R$ 76,00). (Informações checadas entre julho e setembro de 2018).

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2017 - Participante

      Restaurantes Franceses Comer & Beber .

      A despeito do clima convidativo para um jantar a dois, é no almoço que o restaurante tocado pelo chef francês Alain Poletto fica mais concorrido. Se pedida sozinha, a salada verde com uma porção generosa de queijo saint - marcellin empanado com nozes (R$ 46,00) vale por uma refeição. Como entrada, é melhor dividi-la. Depois, um prato mais simples como o steak tartare com batata frita servida num cone (R$ 58,00) é suficiente. No fim, não hesite em repetir a musse de chocolate (R$ 18,00) de textura exemplar. (Preços checados em setembro de 2017.)

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2015 - Participante

      Restaurantes franceses Comer & Beber .

      À primeira vista, o refinamento do chef francês Alain Poletto, também à frente do novo Meating, no Jardim Paulistano, parece não combinar com a atmosfera sem afetações deste salão. Mas está justamente aí o ponto forte da casa. Sem cerimônias, dá para se sentar nas mesas colocadas na área externa do salão, dentro de uma vila de lojas, e pedir uma mantinha e uma sopa de cebola (R$ 34,00) para se aquecer nos dias mais frios. Ao provar o prato fumegante, coberto por massa folhada, impossível dizer que não se trata de um expoente da categoria. Outras tentações são a omelete molhadinha com salmão defumado (R$ 29,00) e o galeto acompanhado de polenta mole da região de Savoie com cubos de bacon e um tomate inteiro sem pele à provençal (R$ 46,00). Servida direto da travessa, a musse de chocolate (R$ 16,00) vale um pedido de chorinho. Reserve apetite, porém, às madeleines para serem mergulhadas num potinho de Nutella que acompanham o café (R$ 6,50). (Preços checados em setembro/outubro de 2015).

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    • 2014 - Participante

      Restaurantes franceses Comer & Beber .

      Desde o ano passado, o bistrô aberto como uma creperia está sob o comando de Alain Poletto, nascido em Thonon-les-Bains, ao centro-leste da França. O chef reforçou o estilo clássico da casa de ambiente romântico com os camarões à provençal (fritos na manteiga ao alho e salsinha e servidos com arroz; R$ 89,00). Há também um atraente menu executivo de almoço durante a semana com entrada, prato e sobremesa. O preço é cobrado pelo valor da sugestão principal. Quem pede o saboroso turnedô de filé-mignon ao molho de pimenta paga R$ 47,00. Feita de chocolate meio amargo, a musse (R$ 16,00) tem textura de deixar saudade. (Preços checados em setembro/outubro de 2014).

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    • 2013 - Participante

      Restaurantes franceses Comer & Beber .

      Quando foi inaugurado pelo engenheiro francês Pierre Murcia quatro anos atrás, o restaurante era uma creperia e tinha o nome Crêpe de Paris. Em setembro do ano passado, assumiu sua porção bistrô e deixou as panquecas de lado. Murcia se associou a dois conterrâneos, Cyrille Schroeder, ex-executivo de uma multinacional, e o chef Alain Poletto. O cozinheiro está reformulando o cardápio. Aparecem em nova roupagem a brandade de bacalhau (R$ 37,00) e o confit de pato com batatas fritas na própria gordura da ave (R$ 64,00). O creme brûlé (R$ 14,00) arremata a refeição no charmoso ambiente distribuído por dois pavimentos em um imóvel nos fundos de uma tranquila vila comercial em plena Rua Augusta. (Preços checados em setembro/outubro de 2013).

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    Comentários
    Deixe um comentário

    Olá,

    * A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google

    Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s