Imagem Blog

Blog do Lorençato

Por Arnaldo Lorençato
O editor-executivo Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há mais de 30 anos. De 1992 para cá, fez mais de 16 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista é professor-doutor e leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie
Continua após publicidade

Antonietta Cucina passa por reformulação completa; confira minha crítica

Restaurante mudou de endereço e o cardápio agora está sob responsabilidade de Antonio Maiolica, ex-Tappo Trattoria

Por Arnaldo Lorençato Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 20 jan 2022, 14h26 - Publicado em 14 set 2018, 07h00

Desde a inauguração, quase uma década atrás, a trattoria Antonietta Cucina ocupava uma charmosa casinha que mira os fundos do Cemitério da Consolação. Em julho, mudou-se para um imóvel maior e quase vizinho. Está agora no número 412, que pertenceu ao extinto José.

A melhor notícia não é ela ter ganho um espaço mais amplo e sem aquela atmosfera de “para ir a dois”, e sim o upgrade que teve o seu menu. O empresário Milton Freitas trouxe para cuidar do cardápio o italiano Antonio Maiolica, ex-Tappo Trattoria, entre outros endereços. Das mesas colocadas próximo à entrada do salão, é possível avistar a cozinha aberta e o chef em ação, assim como o pastifício onde são produzidas as massas.

Polvo com croquete de batata: prato é servido no novo endereço (Henrique Peron/Divulgação)

Maiolica aboliu o cardápio anterior para lançar pratos seus. Inspirado em clássicos, apresenta receitas como uma versão salgada do cannolo (R$ 26,00), tradicional doce siciliano. O cilindro de massa frita e crocante é colorido por beterraba, ganha recheio de queijo de cabra e tem as laterais arrematadas por pistache. Outro belisco, a porção de olive all’ascolana (R$ 28,00) vem como bolinhos dourados por fora cujo interior leva azeitona verde e um mix de presunto cru mais carnes bovina e suína.

Continua após a publicidade

O espaguete grosso (R$ 72,00), preparado com massa feita na casa, leva um carbonara de pato de sabor intenso, mas um pouco mais líquido. Em vez de batata, o polvo, de ótima textura, tem como companhia um saboroso croquete de batata (R$ 98,00). A panacota (R$ 25,00), embora rica em baunilha, que aparece como uma miríade de pontinhos pretos, pode vir um pouco menos consistente que o ideal. Merengue queimado na hora e frutas vermelhas completam a sobremesa.

Carbonara de pato: com massa feita na casa e sabor intenso da ave (Henrique Peron/Divulgação)

Avaliação: BOM (três estrelas)

Continua após a publicidade

Clique para conferir o cardápio:

(Divulgação/Divulgação)

 

 

 

 

 

 

 

 

Valeu pela visita! Volte sempre e deixe seu comentário. Aproveite para curtir minha página no Facebook e minhas postagens no Instagram. As novidades quentes aparecem também no meu Twitter.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.