Clique e assine por apenas 6,90/mês

Homem de 93 anos é encontrado morto em casa com as mãos amarradas

A polícia trabalha com a hipótese de que o crime tenha sido um latrocínio, roubo seguido de morte

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 14 Feb 2020, 15h48 - Publicado em 8 Dec 2019, 11h03

O pecuarista Antônio Barbieri, 93, foi encontrado morto nesse sábado (7) na casa onde vivia no bairro Nova York, em Araçatuba, com as mãos amarradas e um travesseiro sobre a cabeça.

Segundo informações da Polícia Civil, ele vivia sozinho e foi achado por uma funcionária que, ao chegar para trabalhar, se deparou com o corpo do homem já sem vida.

Por Barbieri andar com grandes quantias de dinheiro nos bolsos, trabalha-se com a hipótese de que o crime tenha sido um latrocínio, roubo seguido de morte. Não há sinais de arrombamento na casa que fica em um condomínio fechado e 1 500 reais foram levados.

O caso foi registrado como latrocínio no plantão da Delegacia Seccional de Araçatuba e será encaminhado ao 1º DP da cidade, que dará continuidade às investigações.

Publicidade