Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

São Paulo cancela ponto facultativo do Carnaval

Medida visa evitar aglomerações em meio à pandemia de Covid-19

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 29 jan 2021, 13h25 - Publicado em 29 jan 2021, 10h32

As gestões Bruno Covas e João Doria (PSDB) cancelaram o ponto facultativo de Carnaval, nos dias 15, 16 e 17 de fevereiro de 2021. O intuito da medida é evitar as aglomerações durante a pandemia da Covid-19. Isso que dizer que a segunda, a terça e a quarta serão dias úteis normalmente. A decisão foi anunciada nesta sexta-feira (29) durante coletiva de imprensa. A prefeitura planeja organizar atividades virtuais de carnaval.

Covid-19 no estado

A situação da Covid-19 continua preocupante no estado de São Paulo. De acordo com dados do governo estadual, o mês de janeiro já dobrou o número de mortes e novos casos da doença em comparação a novembro. Em relação ao mês de dezembro, houve alta de 15% nas internações e 11% em óbitos.

São 252.956 casos e 5.121 mortes até o dia 26. Em novembro, os números foram de 125.526 casos e 2.784 mortes. Dezembro já indicava alta: foram 220.664 casos e 4.622 mortes.

Ao anunciar medidas mais restritivas no estado, o governo de São Paulo afirmou na sexta (22) que o sistema de saúde poderia colapsar em 28 dias sem ações para barrar o avanço do coronavírus. Por isso, todas as regiões definidas pelo Plano São Paulo estão com a quarentena mais rígida.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade