Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Técnico da seleção de vôlei, Renan piora e é intubado de novo

Ex-jogador está internado há dez dias no Rio de Janeiro

Por Agência Brasil 26 abr 2021, 18h10

O técnico da seleção masculina de vôlei, Renan dal Zotto, de 60 anos, voltou a ser sedado e intubado ontem (25), apresentando “melhora leve” do quadro respiratório nesta segunda-feira (26), conforme nota divulgada pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). Diagnosticado com o novo coronavírus (covid-19), o treinador está internado há dez dias no Hospital Samaritano Botafogo, na zona sul do Rio de Janeiro.

Devido à baixa saturação de oxigênio, Renan foi intubado no último dia 19. Após cinco dias, ele foi extubado no último sábado (24), mas no dia seguinte teve uma “piora no padrão respiratório”, segundo o comunicado da CBV, levando-o a uma nova intubação.

O técnico testou positivo para a covid-19 no último dia 13 de abril, inicialmente com sintomas leves, quando integrava a preparação da seleção masculina no Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ). O ex-jogador tomou a primeira dose da vacina contra o novo coronavírus (covid-19) e aguardava o calendário para tomar a segunda dose.

Radamés tem alta

O vice-presidente da CBV, Radamés Lattari, que estava internado desde o último dia 10 com diagnóstico de covid-19, recebeu alta nesta segunda-feira (26). Conforme a nota da confederação, ele seguirá o tratamento em casa. Radamés Lattari ficou nove dias intubado durante o período de internação.

Leia a nota da Confederação Brasileira de Voleibol

A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) informa que o técnico da seleção brasileira masculina de vôlei, Renan, apresentou piora no padrão respiratório no último domingo (26.04) e, por isso, foi necessário novo procedimento de sedação e intubação. Porém, houve troca de medicações e o treinador reagiu bem. Nesta última noite, Renan se manteve estável e já nesta segunda-feira (26.04) apresentou uma melhora leve do quadro respiratório.

A CBV aproveita para informar que o vice-presidente da entidade, Radamés Lattari, que também foi acometido pela COVID-19, teve alta nesta segunda-feira e segue a recuperação em casa.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade