Clique e assine por apenas 5,90/mês

Covid: Hospital das Clínicas investiga sete casos suspeitos de reinfecção

Mais oito pacientes estão sendo monitorados pela mesma suspeita na USP de Ribeirão Preto

Por Redação VEJA São Paulo - 25 ago 2020, 17h10

Pesquisadores do Hospital das Clínicas de São Paulo estão investigando sete casos com suspeita de reinfecção por Covid-19, enquanto oito pacientes estão sendo monitorados pela USP, na unidade de Ribeirão Preto. No total, são 15 casos de possíveis reinfecções no estado de São Paulo.

Os cientistas querem descobrir se a reinfecção é causada por vírus diferentes (por meio de sequenciamento genético), se o novo coronavírus sofreu mutação ou se o retorno dos sintomas foi causado por uma nova manifestação do mesmo vírus. No Hospital das Clínicas, há um ambulatório especialmente para acompanhar apenas esses tipos de casos.

A investigação começou quando uma técnica de enfermagem de 24 anos, que trabalha em uma UBS (Unidade Básica de Saúde) de Ribeirão Preto, voltou a sentir os sintomas da doença 43 dias depois de ter sido curada da primeira infecção. Novamente testada, o diagnóstico deu positivo pela segunda vez. Pesquisadores da USP ainda analisam os exames para confirmar se ela foi mesmo contaminada novamente, mas ainda não há nenhum tipo de comprovação.

As suspeitas dos casos não ocorrem apenas no Brasil. Em Hong Kong, Bélgica e Holanda foram relatados pelos cientistas diagnósticos de pacientes que voltaram a se reinfectar depois de meses.

Continua após a publicidade
Publicidade