Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Paciente, que não foi à Manaus, apresenta nova cepa de coronavírus

Pessoa diagnosticada é da cidade de São Paulo, nova variante do coronavírus tem circulação comunitária no estado de São Paulo

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 14 fev 2021, 14h33 - Publicado em 14 fev 2021, 11h50

A Secretaria Municipal de Saúde confirmou no sábado (13) o primeiro caso da nova cepa do coronavírus, chamada “variante Manaus”, na cidade de São Paulo, em um paciente que não visitou a capital amazonense. A pessoa diagnosticada com essa mutação, segundo G1, não precisou de internação e teve sintomas leves.

De acordo com Dimas Covas, diretor do Instituto Butantã, é possível falar em transmissão comunitária dessa nova cepa no estado. Não só por esse caso, mas pelos outros já identificados. Até quinta (11), nove casos da variante de Manaus já haviam sido confirmados.  Enquanto oito pessoas foram até o Amazonas, somente uma não foi até lá, mas teve contato com quem viajou para o estado.

Publicidade