Ritz – Itaim Bibi (Desde 1981)

Tipos de Restaurantes: Cozinha variada
VejaSP
starsstarsstarsstarsstars
Endereço: Rua Jerônimo da Veiga, 141 - Itaim Bibi - São Paulo - SP ver no mapa
Telefone: (11) 30792725
Horário:
segunda-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00
terça-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00
quarta-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00
quinta-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00
sexta-feira
12:00 - 15:00 - 19:00 - 01:00
sábado
12:00 - 01:00
domingo
12:00 - 00:00
Nos feriados funciona das 12h às 0h.
monetization_on

Faixa de preço

De R$111,00 a R$165,00

payment

Formas de pagamento

Cartões de crédito: Visa, Mastercard, Diners e American Express
Cartões de débito: Visa Electron, Rede Shop e Maestro

check_circle

Informações adicionais

Entrega em domicílio ((11) 30793661), Estacionamento/Valet (R$ 23,00), Reservas ((11) 30792725), Acesso para deficientes, Lugares/Capacidade total (97), Levar vinhos (permite) (R$ 40,00)

Resenha por Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

O menu de drinques e petiscos faz um bom mix de pedidas leves com outras mais substanciosas. Está nessa categoria o belo filé à milanesa com creme de espinafre e fritas sequinhas (R$ 62,00). A salada do chef (R$ 48,00), com peito de frango, maçã verde, mussarela de búfala, entre outros complementos, vale por uma refeição.

Informações checadas entre julho e setembro de 2018.

    Comer e beber

    • 2018 - Participante

      Variados Comer & Beber .

      O menu de drinques e petiscos faz um bom mix de pedidas leves com outras mais substanciosas. Está nessa categoria o belo filé à milanesa com creme de espinafre e fritas sequinhas (R$ 62,00). A salada do chef (R$ 48,00), com peito de frango, maçã verde, mussarela de búfala, entre outros complementos, vale por uma refeição. (Informações checadas entre julho e setembro de 2018).

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2017 - Participante

      Restaurantes Variados Comer & Beber .

      Constantemente lotado, o trio de restaurantes tem sempre novidades no cardápio. Depois de cruzar a porta giratória vermelha, garçons muito jovens oferecem a salada de cuscuz marroquino (R$ 56,00), que poderia ser um tiquinho mais úmida, e o linguini ao ragu de pato (R$ 74,00). Só na unidade do Itaim, o almoço executivo de segunda a sexta traz o menu de clássicos da casa com entrada, prato principal e sobremesa por R$ 50,00. Entre as escolhas estão o bolinho de arroz e a torta de frango. De sobremesa, escolha o copinho de chocolate. (Preços checados em setembro de 2017).

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2016 - Participante

      Restaurantes variados Comer & Beber .

      Imutável no Ritz, somente a porta giratória vermelha. O cardápio tem passado por frequentes alterações, e inclui agora uma seção que permite montar o prato. Cabe ao cliente escolher um grelhado, um molho e acompanhamento. Entre as combinações está o bombom de alcatra ao molho de pimenta com fritas (R$ 56,00). Sucesso nos anos 90, o sanduíche de milanesa bovina retornou ao cardápio. Leva mostarda, picles e maionese de produção própria (R$ 38,00). Dá direito a um acompanhamento que pode ser uma porção de crocantes bolinhos de arroz. (Preços checados em setembro/outubro de 2016.)

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2015 - Participante

      Restaurantes variados Comer & Beber .

      Se o estilo de decoração do Ritz não muda e segue uma linha retrô muito parecida nos três ambientes da rede, o mesmo não se pode dizer do cardápio. Desde o ano passado, há uma série de bem-vindas novidades criadas pelas sócias Maria Helena Guimarães e Lygia Lopes em parceria com o chef Caio Ottoboni, do Oui. Comece pelo salmão defumado com chá de jasmim na companhia de creme azedo, dill, pepino e fatias de pão preto (R$ 29,00). Mais substanciosa, a costelinha de porco assada com ragu de lentilha e saladinha de agrião (R$ 49,00) tornou-se o prato das segundas. Dos clássicos hambúrgueres, o de gorgonzola com onion rings e bolinho de arroz (R$ 42,00) vez ou outra vem fora do ponto pedido na unidade da Alameda Franca. Ou seja, bem passado. O merengue com calda de framboesae morango fresco ganha de companhia sorvete de creme e uma generosa quantidade de chantili (R$ 22,00). (Preços checados em setembro/outubro de 2015.)

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    • 2013 - Participante

      Restaurantes variados Comer & Beber .

      São três endereços muito concorridos e de públicos muito diferentes. O que dá identidade aos três é a cor vermelha da fachada e a porta giratória muito comum em pubs londrinos, além do cardápio recheado de ótimos hambúrgueres. Na linha mais básica, peça o bife de carne moída de 160 gramas temperado por pimenta e assentado no pão de gergelim (R$ 27,80) ou a porção com três mini-hambúrgueres acompanhados do trio de molhos de raiz-forte, holandês e picante (R$ 33,20). Com um toque de pimenta-caiena, o linguine com camarão, abobrinha e cenoura vem banhado por creme de parmesão e cebola (R$ 38,90 o pequeno; R$ 59,80 o grande). Outra pedida é o atum grelhado ao molho de shoyu e gengibre na companhia de arroz glutinoso com gergelim (R$ 64,10). Esqueça os problemas com a balança e devore o macio bolo de chocolate com creme batido (R$ 19,95). (Preços checados em setembro/outubro de 2013).

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    • 2013 - Vencedor

      Restaurantes restaurateur Comer & Beber .

      Em um mês, a filial do Spot no Shopping JK Iguatemi tornou-se um sucesso estrondoso. Da abertura para convidados, em 30 de julho, ao fim de agosto, recebeu 13 400 clientes, apenas 400 a menos do que a matriz, nos Jardins. Parte do êxito da casa, que teve investimento de 5 milhões de reais, deve ser creditada à restauratrice Maria Helena Guimarães, o rosto mais conhecido do restaurante. “Quando sugeri o nome Spot, quase vinte anos atrás, todos adoraram porque era um anagrama de ‘stop’, um lugar para se ficar”, conta. Sempre com uma postura serena, Maria Helena divide as tarefas operacionais com três outros sócios — há mais quatro investidores. Junto com ela, Lygia Lopes afina o menu, Sergio Kalil encarrega-se de receber a clientela e José Guilherme Meirelles cuida do financeiro. Até chegar ao Spot, Maria Helena construiu uma bela história. Depois de ter morado em Londres, entre 1967 e 1974, com o marido, Arthur Guimarães, já falecido, o casal abriu o Sanduíche, na Rua Oscar Freire. “Não tínhamos telefone, eram só treze banquetas e fazíamos lanches com chutneys e outros ingredientes na época incomuns no Brasil”, lembra. Logo depois montou o Ritz, famoso pela qualidade de seus hambúrgueres. “Minha inspiração foi o The Great American Disaster londrino, onde comi o melhor hambúrguer da minha vida”, revela. Ela teve ainda um importante papel na fundação, em 1985, da rede America, que vendeu quinze anos mais tarde. Longe de servir receitas muito refinadas, o Spot oferece o que pode ser definido como “comfort food”. São sugestões que apaziguam a fome e dão vontade de repetir, como o penne com melão e presunto cru. Por isso, o Spot está sempre lotado e se tornou a melhor vitrine para praticar a arte de ver e ser visto na cidade, até mesmo dentro de um shopping.

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    • 2010 - Participante

      Restaurantes variados Comer & Beber .

      Estabelecimento faz parte da edição Comer & Beber 2010/2011

      Veja SP

    • 2007 - Vencedor

      Comidinhas hambúrgueres Comer & Beber .

      Reduto de gente descolada (e um fervilhante point gay na matriz dos Jardins), o bar-restaurante abiscoita pelo sexto ano o prêmio de o melhor hambúrguer da cidade. Esbanja sabor a suculenta e bem temperada versão clássica, só de fraldinha e queijo derretido. Você pode optar por um acompanhamento, como os anéis de cebola impecáveis, sem resquícios de gordura. Isso não quer dizer que as variações incrementadas não mereçam atenção. A porção de mini-hambúrgueres permite provar três combinações de uma vez, com molhos holandês (de manteiga e ovos), apimentado (com tamarindo) e de raiz-forte, com uma guarnição. Não deixe de pedir os fabulosos bolinhos de arroz para acompanhar. O jubileu burger é o caçula do cardápio. Leva 200 gramas de carne, rúcula, queijo emmental, tomate e molho apimentado.

      Veja SP

    • 2006 - Vencedor

      Comidinhas hambúrgueres Comer & Beber .

      A matriz, na Alameda Franca, é um dos endereços preferidos de modernos, gays e modelos. Na unidade do Itaim, a freqüência é um pouco mais sóbria, vamos dizer assim, reunindo também gente dos escritórios da região. Fazem sucesso as saladas e os pratos rápidos, mas a verdadeira perdição do cardápio são os hambúrgueres. Vencedores na categoria por cinco anos consecutivos, continuam no pódio mesmo com a abertura na cidade de diversas lanchonetes gourmet. Preparados no char broiler (grelha aquecida com pedras vulcânicas), levam 160 gramas de fraldinha moída num pão macio que não esfarela. A porção de três mini-hambúrgueres, espécie de pequena degustação, chega à mesa no pão de gergelim e com três molhos à parte – holandês (de manteiga e ovos), apimentado (com tamarindo) e de raiz-forte. Acompanhados dos ótimos bolinhos de arroz.

      Veja SP

    Comentários
    Deixe um comentário

    Olá, ( log out )

    * A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google+

    Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s