Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Nick Cordero morre aos 41 anos após contrair Covid-19

Ator da Broadway chegou a ter uma perna amputada

Por Redação VEJA São Paulo 6 jul 2020, 11h30

O ator Nick Cordero, destaque em produções da Broadway, morreu no último domingo (5) devido a complicações relacionadas ao coronavírus. A informação foi dado por Amanda Kloots, esposa do ator, que tinha 41 anos.

“Meu querido marido faleceu nesta manhã. Ele estava cercado de amor por sua família, cantando e orando enquanto gentilmente deixava esta terra”, escreveu Amanda no Instagram. “Estou incrédula e machucada em todos os lugares”, acrescentou. “Meu coração está partido porque eu não consigo imaginar nossas vidas sem ele.”

Nick Cordero ficou internado por mais de 90 dias após contrair a Covid-19. Ele chegou a se curar, mas enfrentou outras complicações, tendo a perna direita amputada por problemas de coagulação. Sofreu infecção pulmonar e perdeu 30 quilos.

Cordero costumava interpretar homens bravos na Broadway e estrelou espetáculos como “Garçonete”, “Um Conto do Bronx” e “Bullets Over Broadway”, além de ter atuado também em produções na TV norte-americana.

Continua após a publicidade
Publicidade