Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Ivete lamenta mortes por Covid sem citar governo e Anitta manda indireta

Internautas se incomodaram com a forma como a cantora baiana se posicionou sobre o tema

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 22 jun 2021, 12h22 - Publicado em 21 jun 2021, 13h04


Anitta
se posicionou em sua redes sociais sobre a marca de 500.000 mortos pela Covid-19 no Brasil, atingida no último final de semana. “500 mil mortes… é sobre FORA BOLSONARO sim! A favor da democracia, da economia, da saúde,  da educação, do senso COLETIVO”, escreveu em seu Twitter nesta segunda-feira (21).

Internautas consideraram a postura uma indireta de Anitta a outros nomes famosos que decidiram não se posicionar politicamente. Uma das mais citadas é Ivete Sangalo que, em seu Instagram, falou que as vidas perdidas não são “sobre partidos”. Não demorou para que o nome da cantora figurasse entre os assuntos mais comentados do Twitter. 

“Não é natural. Não é uma mentira. É estarrecedor pensar sobre as milhares de vidas ceifadas e dores irreparáveis em torno dessas perdas. Não é sobre partidos, é sobre humanidade”, publicou Ivete em seu Instagram.

LEIA TAMBÉM: Manifestantes fazem novo protesto contra Bolsonaro em SP

Entre os comentários mais curtidos da publicação estão cobranças sobre posição política da artista. Uma pessoa pede: “se posicione cantora, você é mais que isso!”. Outro escreveu que o país precisa de “todos que tem voz, como você, Ivete. Para falar, denunciar e incentivar as pessoas a não se calarem”. Ivete ainda não se posicionou sobre as críticas.

View this post on Instagram

A post shared by Veveta (@ivetesangalo)

+Assine a Vejinha a partir de 8,90.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade