Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Inspirado em Harry Potter, novo restaurante em Moema encanta fãs da saga

Além de hambúrgueres, o local de 500 metros quadrados, que teve investimento de 1,5 milhão, conta com atrações como "caixinhas de feitiços"

Por Guilherme Queiroz Atualizado em 23 jul 2021, 11h33 - Publicado em 22 jul 2021, 20h07

O restaurante Beco Hexagonal inaugurou no dia 15 de julho. Menos de uma semana depois, na última quarta-feira (21), contava com uma fila de 1h30 de espera. Um vídeo do local, compartilhado no Tik Tok, viralizou e rapidamente os fãs de Harry Potter encontraram o endereço em Moema, alguns deles vindo de cidades do interior paulista, segundo relatam os donos.

A Vejinha visitou o local nesta quinta-feira (22) e mostra os detalhes do empreendimento, que serve hambúrgueres e saladas na Rua Gaivota. Entrevistamos também o idealizador: o engenheiro civil Rodrigo de Oliveira e Silva, 39. O endereço de 500 metros quadrados era até 2020 uma residência, e passou por uma reforma que trouxe pisos, azulejos, luminárias e papéis de parede que remetem ao universo Harry Potter.

 

Imagem mostra vassouras penduradas na parede
Local para deixar vassouras mágicas Guilherme Queiroz/Veja SP

O AMBIENTE

Logo na entrada, o visitante dá de cara com uma cenografia que lembra o Beco Diagonal, local onde Harry e os colegas da escola de magia de Hogwarts compravam seus materiais escolares. Um local para o visitante deixar a sua vassoura mágica, pegar a sua comanda (que é uma varinha) ou tirar sua primeira selfie junto aos quadrinhos de orientações aos clientes bruxos chamam atenção.

Em todo o endereço, pequenas caixinhas ensinam o frequentador a realizar “feitiços” (veja o vídeo abaixo). Corujas, caveiras, retratos que se movem (televisores embutidos nas paredes) e jogos de xadrez bruxo fazem parte da decoração. Abaixo da escada que leva ao segundo andar, um quartinho, quase idêntico ao que Harry dormia nos primeiros filmes da saga.

“Comprei muitos móveis antigos na OLX, por exemplo”, diz Rodrigo de Oliveira, que investiu cerca de 1,5 milhão de reais na transformação do endereço. São quatro salões com mesas para os clientes, dois deles no andar térreo (um em área externa) e outros dois no andar superior. Os ambientes do segundo pavimento chamam-se “praetorium rubrum” e “praetorium viridi” (tudo é em latim). Um salão é verde e o outro, vermelho, lembrando as salas comunais da Sensorina e da Grifinória.

Também no andar superior, um dos banheiros possui uma pia inspirada no filme Harry Potter e a Câmara Secreta. O outro conjunto de sanitários conta com uma porta que remete às cabines telefônicas de Londres, para, em seguida, o visitante dar de cara com azulejos pretos na parede do banheiro, lembrando o Ministério da Magia.

O endereço possui capacidade total para 189 pessoas. Em toda a casa, os clientes deparam-se com músicas medievais ou sons como o estalar do carvão na lareira de mentira. Perto do caixa são vendidos produtos licenciados de Harry Potter e outras marcas, como Game Of Thrones.

Imagem mostra pia hexagonal em banheiro
Pia inspirada em Harry Potter e a Câmara Secreta Guilherme Queiroz/Veja SP

EMPREENDIMENTO

Rodrigo de Oliveira é, claro, fã de Harry Potter. “Vi o filme umas cinco vezes junto com toda a minha família”, diz ele, que ao longo da visita foi mostrando frames de cenas dos longas-metragens que usou como inspiração para a decoração do local. “É o nosso primeiro empreendimento, eu ainda trabalho no ramo de engenharia e decidi ir para a gastronomia, abrir um restaurante”, explica.

Continua após a publicidade

“Toda a decoração eu que fiz, a automação, como os feitiços, também elaborei”, conta. “O restaurante é inspirado em Harry Potter, mas é para todo o mundo bruxo: nossos sanduíches se chamam Salem [Bruxa de Salém], Geralt [personagem da série The Witcher, da Netflix], Morgana [a bruxa], Merlin…”.

A ideia surgiu no final de 2019. “Queria abrir na região de Moema ou Jardins, passamos 2 meses procurando o imóvel e alugamos em março de 2020 e aí veio a pandemia”, lembra. A reforma se iniciou em julho do ano passado e foi finalizada em fevereiro de 2021. “E com a história pode abrir, não pode abrir, ficamos esperando. Aí veio a mudança que permitiu a abertura até 23h e corremos para começar”, afirma.

Placa diz: lave as mãos antes de comer, existem doenças que não conseguimos curar com magias e feitiços
Placa decorativa Guilherme Queiroz/Veja SP

“Nosso foco sempre foi a experiência. Eu preciso ter uma refeição boa, mas a experiência tem que ser ótima”, explica. “O objetivo não é ser uma hamburgueria, e sim um estilo tipo o do Outback, com massas e todo tipo de comida. Como não sou do ramo, decidimos simplificar, mas acabamos contratando um chef depois, para ajudar”.

+ Restaurantes vendem diferentes menus no Festival Food Delivery Series

Carrinho de malas entrando em parede de tijolos; lê se em placa acima:
Carrinho do Beco Hexagonal Guilherme Queiroz/Veja SP

OS PRATOS

A equipe de gastronomia da Vejinha, por enquanto, não avaliou os pratos do local. No cardápio o visitante encontra, nas entradas, as fritas da casa (25 reais) e outras opções como anéis de cebola (28 reais). Entre as saladas, a ametista (alface americana, tomace cereja, mozzarella de búfala, laranja, manjericão e pesto de azeitonas) sai a 44 reais.

Imagem mostra prato, com bola dourada de chocolate no canto de um prato
A sobremesa pomo dourado, no Beco Hexagonal Reprodução/Divulgação
Imagem mostra hambúrguer em prato
O hambúrguer Garold Reprodução/Divulgação

Nos hambúrgueres, o garold (pão de brioche, hambúrguer, gorgonzola, relish de pepinoe rúcula), 32 reais; flamel (pão australiano, hambúrguer, cheddar e relish de pepino), 37 reais e merlin (pão australiano, hambúrguer, cheddar, cebola caramelizada e bacon), 37 reais.

Partindo para as sobremesas, o pomo dourado (cookie com calda de chocolate), 26 reais e a taça albus (sorvete de limão, creme de frutas vermelhas e sapo de chocolate), 24 reais.

As bebidas também são inspiradas no mundo bruxo e incluem as poções, coma callidus (xarope de blueberry e água com gás), 16 reais e a feliz (xarope de tangerina e água com gás), 16 reais. Também são servidos drinques, como gin red (chá de hibisco, limão siciliano e canela), 32 reais e cervejas.

Beco Hexagonal. Terça a domingo, 19h às 23h. Rua Gaivota, 1112, Moema

  • Continua após a publicidade
    Publicidade