Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Quatro restaurantes para quem gosta de carne de sol

Cada endereço prepara, à sua maneira, uma boa receita com a carne

Por Redação VEJA São Paulo 17 ago 2018, 07h00

Muito consumida no sertão, a carne de sol é apreciada em diversas partes do Brasil. 

Confira a seleção de quatro lugares paulistanos para provar a especialidade.

Empório Nordestino. As carnes são salgadas com perícia e surgem em cortes como a picanha (R$ 110,00, para dois), ao lado de feijão-de-corda e mandioca frita. Um bufê de saladas e acompanhamentos fica à disposição no almoço.

Fitó. A dona, Cafira Foz, reinterpreta clássicos do Piauí à sua moda. A carne de sol chega ao lado de purê de cará e vinagrete de pimentão verde, cebola e tomate. O prato custa R$ 42,00.

Jesuíno Brilhante. A carne de sol é preparada lá mesmo. Úmido na medida, o bife ancho chapeado custa R$ 36,00 e dá direito a duas guarnições, como a mandioca na manteiga de garrafa e o feijão-de-corda.

Jiquitaia. Novidade da casa aberta pelo chef Marcelo Corrêa Bastos, hoje à frente do Vista, no MAC Ibirapuera, a maminha ao molho béarnaise de caju com arroz de carnes seca e de sol e cebolinha (R$ 62,00) é servida apenas no jantar. O menu completo sai por R$ 88,00.

Continua após a publicidade

Publicidade