Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Barbara Demerov Filmes e Séries - Por Barbara Demerov

Rebelde: Giovanna Grigio revela inspiração em Duda Beat e Rita Lee

Nova versão da telenovela mexicana está disponível na Netflix; à Vejinha, atriz celebra representatividade LGBTQIA+ na trama

Por Barbara Demerov Atualizado em 7 jan 2022, 16h14 - Publicado em 6 jan 2022, 13h05

Rebelde, um dos primeiros lançamentos de 2022 na Netflix, está disponível no catálogo e retoma o universo da famosa telenovela. Na série mexicana, alunos da Elite Way School (EWS, a mesma escola em que os personagens Mia, Miguel, Roberta, Diego, Lupita e Giovanni estudaram) estão em busca de se tornar fenômenos musicais, com clara inspiração na banda RBD.

+ Emily em Paris: a série da Netflix que o público ama odiar

As referências à novela clássica vão agradar ao público que acompanhou as histórias a partir de 2004, mas o toque original também é visível. A atriz Giovanna Grigio compõe o elenco de jovens estrelas e, em Rebelde, marca sua estreia em um projeto internacional.

À Vejinha, a intérprete de Emília, veterana na EWS que também veio do Brasil, não esconde sua satisfação com o novo papel e afirma ter se conectado a um lugar de infância que a marcou intensamente. Fã de RBD, Giovanna também destaca a importância de ter uma personagem brasileira na série. “Todos nós sabemos o tamanho do carinho do público por Rebelde. E, por isso, eu quero dar o meu melhor para não decepcionar.”

Sobre as inspirações para encarnar a jovem cheia de personalidade, a atriz logo citou figuras reais. “Ela é uma artista, então me inspirei em Duda Beat e Rita Lee. Mesmo que não tenham a ver com Emília, são pessoas que me fazem sentir o frisson da personagem. Além disso, eu e Emília nos encontramos em experiências de vida. Nas gravações, eu era a estrangeira ‘no rolê’. Isso criou uma ligação orgânica, pois eu usava os meus próprios sentimentos para interpretá-la”, explica.

Continua após a publicidade

Para a atriz, outro fator positivo em Rebelde é a representatividade LGBTQIA+. “Não existe uma produção que fale sobre a juventude atual sem abordar essa temática. Caso contrário, estaríamos em Marte. E a sexualidade nunca é uma questão na série. Eu acho ótimo. É o universo RBD alinhado com os dias de hoje.”

+Assine a Vejinha a partir de 12,90.

Publicado em VEJA São Paulo de 12 de janeiro de 2022, edição nº 2771

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Edições da VejaSP liberadas no App Veja de maneira imediata

a partir de R$ 12,90/mês