Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Novo calendário: vacinação é antecipada no Estado de SP. Confira as datas

Em coletiva de imprensa, o governador divulga o adiantamento da vacinação em São Paulo

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 11 jul 2021, 14h22 - Publicado em 11 jul 2021, 13h03

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB) divulgou neste domingo (11), em uma coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes, o novo calendário de vacinação. A previsão de término da imunização de adultos de até 18 anos com pelo menos uma dose agora é no dia 20 de agosto — chamado por Doria de “Dia da Esperança” — e não mais em 15 de setembro. Até essa

A imunização poderá ser acelerada, em parte, pela compra de 4 milhões de doses da CoronaVac, de acordo com Doria.

LEIA TAMBÉM: SP flexibiliza restrições e amplia horário de funcionamento do comércio

A vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidades e deficiências permanentes começa em 23 de agosto no estado. Em seguida, de 6 a 19 de setembro, serão vacinados os que tiverem de 15 17 anos. Entre os dias 20 e 30, receberão a imunização quem tem de 12 a 14 anos. Vale lembrar que a única vacina autorizada para os adolescentes pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) é a Pfizer/BioNTec.

O governo afirmou ainda que manterá o prazo de três meses para aplicar a segunda dose de vacinas Astrazeneca e Pfizer. Alguns países têm diminuído o intervalo a fim de aumentar a proteção contra a variante delta.

LEIA TAMBÉM: Doria nega que se afastará do governo

 

CONFIRA AS DATAS

37 a 39 anos – até 14 de julho
35 e 36 anos – 15 a 18 de julho
30 a 34 anos – 19 de julho a 4 de agosto
25 a 29 anos – 5 a 12 de agosto
18 a 24 anos – 13 a 20 de agosto
12 a 17 anos (com comorbidades , deficiências permanentes e grávidas) – 23 de agosto a 5 de setembro
15 a 17 anos – 6 a 19 de setembro
12 a 14 anos – 20 a 30 de setembro

  • Continua após a publicidade
    Publicidade