Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Tempo permanece seco em São Paulo até segunda-feira (7)

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia, na semana que vem chega à capital uma massa de ar úmido. Chuvas fortes, porém, não devem ocorrer

Por Redação VEJASÃOPAULO.COM Atualizado em 5 dez 2016, 14h20 - Publicado em 2 jul 2014, 13h16

O tempo seco e frio deve permanecer pelo menos até segunda-feira (7) em São Paulo. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), no início da semana que vem está prevista a chegada de uma massa de ar úmido, que não resultará em chuva (somente um chuvisco), mas melhorará a sensação para as pessoas.

 

Nesta quarta-feira (2), segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), o índice de umidade relativa do ar chegará a 24%. “O clima seco e a umidade do ar baixa permanecem. Na segunda entra um ar úmido, mas chuva mesmo não deve acontecer”, diz o meteorologista Franco Villela.

Saúde

Recorrentes no inverno, o tempo seco, a baixa umidade do ar e a consequente maior concentração dos poluentes na atmosfera são um prato cheio para doenças respiratórias, como rinite e bronquite, e problemas na garganta, além de dores de ouvido.

O diretor da Divisão de Pneumologia do Incor (Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da FMUSP), Carlos Carvalho, alerta para o risco em alguns horários e locais que devem ser evitados para a prática de atividades físicas. Confira algumas dicas do especialista:

 

  • Evite a prática de exercícios a partir das 17h em locais considerados “baixadas”, como, por exemplo, avenidas movimentadas e beira de marginais;
  • Faça exercícios em partes altas da cidade e que sejam arborizadas;
  • Lave cobertores e blusas que estavam guardados em armários antes de utilizá-los, pois eles acumulam fungos. Caso contrário, o uso pode causar reações alérgicas;
  • Procure não utilizar vassouras para fazer a limpeza de ambientes com poeira. Opte por um pano úmido;
  • Em dias muito secos, use colírio e soro fisiológico nas regiões dos olhos e narinas, ele lubrifica a mucosa e evita irritação;
  • Os vírus se concentram em locais fechados. Evite aglomerações em lugares fechados;
  • Quando a umidade do ar estiver abaixo de 20% ou 30% é preciso beber muito líquido;
  • Os umidificadores de ar devem ser ligados em quartos e salas nos dias em que a umidade do ar estiver abaixo de 30%. Caso contrário, eles podem umidificar demais o ambiente e criar fungos em móveis, por exemplo.
Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês