Clique e assine por apenas 6,90/mês

Policial aposentado morre ao salvar garota de afogamento em Guarujá

José Cláudio Mantovani estava na praia quando ouviu pedido de socorro de mãe da menina

Por Redação VEJA São Paulo - 7 set 2020, 12h43

José Cláudio Mantovani, de 60 anos, um sargento aposentado da Polícia Militar, morreu no último domingo (6) após salvar uma adolescente de 13 anos que estava prestes a se afogar em uma praia de Guarujá, no litoral de São Paulo.

De acordo com o Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar), Mantovani estava na Praia da Enseada quando escutou o pedido de socorro da mãe da menina. Ele entrou no mar e conseguiu retirar a garota das águas, mas teve um mal súbito antes de conseguir chegar à areia. Banhistas acionaram o guarda-vidas, que retirou o ex-sargento do mar e constatou parada cardiorrespiratória.

Reprodução/Veja SP

Bombeiros tentaram reanimar Mantovani, que chegou a ser levado ao Pronto Atendimento da cidade, mas não resistiu. A esposa informou que ele era hipertenso. Ele estava no local a passeio e morava na cidade de Cerqueira César, no interior. 

No feriado prolongado, 267 ocorrências foram registradas no mar e sete pessoas morreram.

Continua após a publicidade
Publicidade