Clique e assine por apenas 6,90/mês

Polícia prende 25 por roubo de carga em trens no interior

Quadrilha saltava de pontes sobre os vagões com o objetivo de abrir o compartimento superior e retirar a carga

Por Estadão Conteúdo - 7 jun 2017, 17h14

A Polícia Civil prendeu nesta quarta-feira (7) uma quadrilha acusada de atacar trens de carga no interior de São Paulo. Até o início da tarde, 25 pessoas haviam sido presas.

A operação “Trem bala” busca cumprir trinta mandados de prisão e 28 de busca e apreensão em cidades como Cordeirópolis (SP) – sede da investigação -, Limeira, Santa Gertrudes, Rio Claro e Pradópolis.

Segundo a investigação, a quadrilha agia de várias formas, entre elas saltando de pontes sobre os vagões com o objetivo de abrir o compartimento superior para retirar a carga. Também colocavam pedras nos trilhos para descarrilar o trem e facilitar o crime.

Durante a ação da polícia, foram encontrados munição, sacos para embalar a mercadoria roubada e veículos, como um trator e um caminhão, usados no transporte. Em um dos ataques a uma carga de carne que seria exportada, o prejuízo foi de 1 milhão de reais.

Continua após a publicidade

A quadrilha era investigada havia oito meses e seria formada por comerciantes e produtores rurais, entre outros. Todo o material apreendido, assim como os presos, estão sendo levados para a delegacia de Cordeirópolis.

Publicidade