Clique e assine por apenas 6,90/mês

Chegada de Marco Antonio Villa à Band causa onda de fúria na web

O motivo da revolta foram comentários do historiador contra um dos filhos do presidente Jair Bolsonaro

Por Mariana Rosario - Atualizado em 16 Jul 2019, 19h09 - Publicado em 16 Jul 2019, 19h04

A chegada do historiador Marco Antonio Villa à Rádio Bandeirantes causou uma enxurrada de comentários revoltados nas redes sociais nesta segunda (15). Trata-se do retorno do historiador e jornalista ao rádio, após encerrar contrato com a Jovem Pan no fim do mês passado e afirmar, em entrevista a VEJA SÃO PAULO, que acredita ter sido afastado por conta de seus posicionamentos políticos.

Durante a estreia na nova casa, inclusive, não poupou críticas ao clã Bolsonaro. Desta vez, endereçou os comentários ao filho Eduardo, deputado federal pelo estado de São Paulo e cotado para se tornar embaixador do Brasil nos EUA. “Se ele me provar que mora com a esposa em São Paulo eu atravesso o Rio Tietê a nado. Quero ver onde ele mora”, disse Villa. “Se ele não mora aqui, ele fraudou eleitores. Enganou a lei, tem que ser cassado, processado. Eduardo, Dudu, não sei, quero saber onde você mora em São Paulo.”

Na fala, ele também critica a falta de formação do herdeiro do presidente e afirma que ele pode trazer “risco” à segurança nacional do Brasil. Assista ao trecho:

Além de Villa, outro jornalista da Band, o âncora do Jornal da Noite, Fábio Pannunzio, também foi alvo dos internautas. O motivo seriam suas últimas postagens contrárias a decisões de Bolsonaro, chegando a usar os termos “bolsomínions” e “milicia virtual”.

Continua após a publicidade

Os pronunciamentos dos dois profissionais levaram diversos apoiadores do presidente a publicar a hashtag “#Bandlixo”. O termo foi um dos mais comentados na internet durante a tarde desta segunda (15). Veja algumas reações:

Publicidade