Elize Matsunaga progride para o regime semiaberto

Em março de 2019, detenta, que matou o marido, também teve a pena reduzida em dois anos e seis meses

A paranaense Elize Matsunaga, que matou e esquartejou o marido em 2012, conseguiu progressão para o regime semiaberto. A decisão foi da juíza Sueli Zeraik, da Vara de Execucões Criminais (VEC), de Taubaté. A primeira saída da detenta deve ocorrer no próximo domingo (11), no Dia dos Pais.

Outra mudança é que agora a detenta pode se ausentar da unidade durante o dia, para trabalhar e estudar, retornando só à noite. No presídio, ela deixa também uma cela e passa a ocupar um alojamento com 78 pessoas, no qual há oito banheiros e são disponibilizadas beliches.

No pedido feito pela defesa em janeiro de 2019, o advogado Luciano Santoro usa a boa conduta carcerária da detenta como argumento: “(Ela) cumpre fielmente com suas obrigações e demais determinações internas, preenchendo assim o requisito subjetivo da Lei de Execução Penal para a progressão de regime, conforme atestado de comportamento carcerário”.

Em 2019, Elize também conseguiu outra alteração em sua pena. Em março, sua defesa obteve a redução da condenação para 16 anos e 3 meses. Antes, o tempo de reclusão era de 19 anos e 11 meses. Com a mudança, ela deve sair da penitenciária de Tremembé, no interior de São Paulo, no ano de 2032.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s