Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Centros islâmicos doam cestas básicas para comunidades carentes da capital

Iniciativa conta com fila de espera e depende de mais doações para atender todos os cadastrados

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 25 abr 2020, 16h09 - Publicado em 25 abr 2020, 15h57

O Centro Islâmico Fátima Zahra, no bairro da Penha, Zona Leste da capital paulista, pede doações para continuar um trabalho social desenvolvido na favela do Chaparral, da mesma região. A iniciativa de autoria do xeque Rodrigo Jalloul, 34, o primeiro sacerdote xiita brasileiro, leva cestas básicas para famílias em situações de vulnerabilidade social com a pandemia da Covid-19.

Nas últimas semanas o religioso visitou famílias na comunidade para montar um cadastro para o recebimento dos insumos. Até o momento foram feitas duas entregas no endereço. “Levamos 170 cestas básicas em cada visita”, conta ele, que teve o apoio também do xeque Husseim Kallilo, do Centro Islâmico Imam Al Mahdi, da região do Brás.

“Muitos [dos moradores da comunidade] são trabalhadores informais e estão sem emprego. Há também uma deficiência na prevenção da Covid-19. Distribuí muitas máscaras no local. Mas muitas vezes, em cada barraco vivem oito, nove pessoas, em um pequeno espaço”. Jalloul afirma que a comunidade conta com cerca de 2 000 famílias. “Temos 500 cadastradas até o momento”. Eles contam com doações de alimentos e de dinheiro para montarem as cestas. “Muitas famílias islâmicas nos ajudam, mas ultimamente apareceram muitas pessoas não-islâmicas”, diz.

Além de ajudar a favela do Chaparral, a intenção do sacerdote é levar a iniciativa para outras regiões carentes da cidade. “Terça-feira (28) vamos visitar mais uma comunidade, indicada pelo Padre Ticão [conhecido líder comunitário da Zona Leste]”. É possível ajudar a iniciativa por meio de uma vaquinha online neste link. Quem quiser doar alimentos para a instituição pode contatar o xeque pelo seu WhatsApp: +55 11 99279-0473.

  •  

     

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade