Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Artistas pintam “Pare o abuso de poder” na Ponte Estaiada

Movimento é o mesmo que escreveu termos antirracistas na Avenida Paulista e Minhocão

Por Redação VEJA São Paulo 27 dez 2020, 10h08

O coletivo Nós Artivistas escreveu na ponte estaiada Octavio Frias de Oliveira, na Zona Sul, a frase “Pare o abuso de poder”. A intervenção artística é mais um protesto pelo assassinato de João Alberto Silveira Freitas, promovido por seguranças de uma loja do Carrefour de Porto Alegre, em novembro.

A frase pintada neste (26) foi escolhida para representar a insatisfação da população negra contra abusos cometidos por autoridades, sejam elas da polícia ou não. Antes

O grupo já havia pintado frases no asfalto da Avenida Paulista (“Vidas pretas importam”) e do Elevado Costa e Silva, o Minhocão (“Silêncio é apagamento”).

Continua após a publicidade

Publicidade