Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

1ª Parada Virtual do Orgulho LGBT será transmitida no dia 14 de junho

O evento estará em dez canais simultaneamente; em novembro, haverá edição na Avenida Paulista

Por Redação VEJA São Paulo 4 jun 2020, 22h19

1ª Parada Virtual do Orgulho LGBT vai acontecer no próximo dia 14 de junho, mesma data em que seria realizado o tradicional evento na Avenida Paulista, cancelado por conta da pandemia do novo coronavírus.

+ Assine a Vejinha a partir de 6,90

Rafael Dias, cofundador e CEO da Dia Estúdio, empresa especialista em lives, idealizou a #ParadaSPAoVivo, em parceria com a ONG APOGLBT e com o apoio do YouTube Brasil. O evento terá duração de oito horas, das 14h às 22h, transmitido simultaneamente em dez canais do Youtube e conta com a presença de criadores de conteúdo e artistas como convidados especiais. 

Edu e Fih, do canal Diva Depressão, comandam a apresentação enquanto os outros hosts e convidados participam virtualmente. De suas casas, artistas performam ao vivo exclusivamente para a audiência da Parada SP Ao Vivo. A transmissão será feita por meio dos canais: Diva Depressão, Lorelay Fox, Nátaly Neri, Mandy Candy, Jean Luca, Louie Ponto, Canal das Bee, Spartakus, Dia Estúdio e Parada SP.  

Continua após a publicidade

Para o dia 29 de novembro, está programada a parada na Avenida Paulista, com o tema “democracia”. No ano passado, segundo a organização, o evento reuniu cerca de 3 milhões de pessoas e contou com 19 trios elétricos.

+ OUÇA O PODCAST #SPSONHA

 

Continua após a publicidade

Publicidade