Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 28 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

Sem perdão: Bertolazzi despacha 2 em Cozinha sob Pressão

Os dois últimos episódios de Cozinha sob Pressão foram acima da média. O chef de cozinha e apresentador Carlos Bertolazzi, do  Zena Caffè, está cada vez mais refinado em suas maldades. Não falo aqui de gritos ou de esfolar a integridade dos participantes com mesquinharias. Bertolazzi concentra sua artilharia em disparos de ironia, sem deixar de […]

Por Arnaldo Lorençato Atualizado em 26 fev 2017, 16h30 - Publicado em 24 Maio 2015, 23h01
Bertolazzi bonzinho na primeira parte do programa: as duas equipes aprovadas (Fotos: divulgação)

Bertolazzi bonzinho na primeira parte do programa: as equipes aprovadas (Fotos: divulgação)

Os dois últimos episódios de Cozinha sob Pressão foram acima da média. O chef de cozinha e apresentador Carlos Bertolazzi, do  Zena Caffè, está cada vez mais refinado em suas maldades. Não falo aqui de gritos ou de esfolar a integridade dos participantes com mesquinharias. Bertolazzi concentra sua artilharia em disparos de ironia, sem deixar de ser pop.

+ Eataly: um tour em vídeo

São inúmeras as demonstrações do comandante de Cozinha sob Pressão de que ele  sabe como atingir o fígado e alma dos concorrentes do reality. Sem pudor, ele chamou de Elza e não de Esther, a eliminada no segundo programa. Não, ele não se enganou. Era referência à soloneta princesa do desenho animado Frozen. Maldade pura que bombou nas redes sociais, em especial no Twitter.

Diversão no karaokê: loucos por um microfone

Diversão no karaokê: loucos por um microfone

Ontem Bertolazzi começou o progama na linha paz e amor. O teste era de criatividade. O chef aprovou as duas equipes na gincana dos homens contra as mulheres e mandou todo mundo para o karaokê. Foi pura diversão dos desafinados diante do microfone. Aliás, como eles gostam de um microfone.

Marcos Nery: primeiro a ser despachado

Marcos Nery: primeiro a ser despachado

Continua após a publicidade

A prova do jantar, porém, foi um desastre. No restaurante do Cozinha sob Pressão, estavam participantes da temporada anterior: a vice-campeã Beatriz, Lilian, Francisco, Ronaldo, Marcel e Daniela. Faltou a musa da reclamação, Derileusa (Bertolazzi disse que ela tinha trabalho naquele horário. Pô, Derileusa!). Coitados. Devem ter passado fome, pelos berros do Bertolazzi.

Na linguagem profissional, era muita gente “nadando”na cozinha. Ele pediu dois nomes de cada equipe. No fim, a supresa: Bertolazzi, o verdugo, mandou para casa Marcos Nery. Um alívio no ar. Que nada! Na linha sem perdão, Bertolazzi também despachou a representante do time feminino Marja Akina.

Marja Akina: fora do jogo na eliminação dupla

Marja Akina: fora do jogo na eliminação dupla

Esse quinto episódio fez a diferença e realmente tirou da zona de conforto os participantes, que ficam confinados durante todo o período de gravações.

Vejamos o que o carrasco tem para nos mostrar.

Em tempo: A equipe de edição poderia ter poupado o público dos desnecessários elogios à beleza de Bertolazzi pela mulherada na primeira parte do programa.

+ Passeio pelo Eataly em fotos inéditas
+ Chef americano Mario Batali, sócio do Eataly, explica a polêmica no Maní
+ Receita: salmão com rabanete e alcachofra
+ Receita: tartare de robalo com creme de ervilha

Obrigado pela visita. Aproveite para deixar seu comentário, sempre bem-vindo, e curtir a minha página no Facebook. Também é possível saber as novidades pelo Twitter.

Continua após a publicidade
Publicidade