Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 29 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

Helena Rizzo conta sobre quarentena com a filha e estreia delivery do Maní

Chef tem passado a temporada de distanciamento social ao lado de Manoela

Por Arnaldo Lorençato Atualizado em 1 Maio 2020, 10h25 - Publicado em 1 Maio 2020, 06h00

Sócia do Maní, um dos três únicos restaurantes da capital com as cinco estrelas máximas pela edição especial COMER & BEBER — os outros dois são o também autoral D.O.M. e o italiano Fasano —, Helena Rizzo tem aproveitado a quarentena para curtir a filha Manoela, de 4 anos.

Inevitavelmente, as duas vão para a cozinha. “A Manu adora bolo, mas prefere a massa crua e raspar a tigela como qualquer criança da idade dela”, conta. O favorito da garotinha — de cenoura com cobertura de chocolate — não é uma receita da chef.

A cozinheira usa a versão de Joyce Galvão que está no livro A Química dos Bolos: Receitas e Segredos para Dias Mais Doces (Companhia de Mesa, 288 págs., R$ 129,90), lançado em 2017 (a preparação você confere aqui).

Manu: hoje com quatro anos Arquivo Pessoal/Divulgação

Outra observação sobre a filha que está totalmente grudada à cozinheira neste período é o fato de a menininha não querer sair de casa por nada. “As crianças são mais sensíveis, mais conscientes. Ela fica preocupada e não quer pôr o pé na rua”, afirma.

Helena, que recentemente se mudou do Jardim Paulistano para a Vila Madalena, prepara-se para pôr o pé para fora a partir de agora. Ela acabou de estruturar o delivery do grupo Maní, cuja estreia está prometida para esta sexta (1º).

Continua após a publicidade

O Maní passa a expedir o picadinho de filé-mignon com milho-verde, arroz jasmim, farofa, purê de abóbora, couve e ovo frito (R$ 62,00) e a moqueca de camarão com terrine de arroz, pirão e farofa (R$ 106,00).

Moqueca de camarão: prato estará no delivery do Maní Roberto Seba/Divulgação

Para o Dia das Mães, a sugestão é o bobó de camarão com arroz jasmim, farofa de dendê e salada (R$ 180,00, para dois). Sai do menu do Manioca o filé-mignon ao molho de presunto serrano, gratin de batata e rúcula selvagem (R$ 74,00).

Delivery: iFood. Take out (terça a sexta, das 11h30 às 15h e das 19h às 22h30; sábado, das 12h às 22h30; domingo, das 12h às 21h): Rua Joaquim Antunes, 210, Jardim Paulistano, WhatsApp (tel. 97473-8994).

Assine a Vejinha a partir de 6,90 mensais

Valeu pela visita! Para me seguir nas redes sociais, é só clicar em:
Facebook: Arnaldo Lorençato

Instagram: @alorencato
Twitter: @alorencato
Para enviar um email, escreva para arnaldo.lorencato@abril.com.br

Caderno de receitas:
+ Fettuccine alfredo como se faz em Roma
+ O tiramisu original

Continua após a publicidade
Publicidade