Passeios

Um roteiro para o Ed Motta não colocar defeito

Sugestões pouco simplórias para o músico carioca se divertir na cidade

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Ed Motta
O cantor carioca Ed Motta: show com jantar na sexta (17) (Foto: Lailson Santos)

Depois da “catucada” que Ed Motta deu nos fãs simplórios que falam português em seus shows fora do país, ficou quase incontrolável a vontade de dar uma passadinha no Terra da Garoa na sexta (17) para conferir o astro em ação e pedir Manuel.

O ingresso é caro: vai de 140 a 270 reais. A explicação para o alto preço é simples: além de ver um cantor gourmet, você vai jantar no evento e o cardápio foi todo escolhido pelo artista. Atenção para a sequência da refeição: ceviche de peixe acompanhado de torrada de pão no azeite de entrada, pato assado com purê de batata, como prato principal ,e, de sobremesa, panetone grelhado com sorvete de creme. Hummmm!

+ Backstreet boys anunciam nova data na cidade

Bom, ele pediu desculpas na internet, mas nem todo mundo aceitou. Com tanta polêmica no ar, a gente resolveu fazer um roteiro inspirado nele e nossa tentativa é de agradá-lo. Se a gente errar, foi mal aí, Ed. Afinal, todo mundo erra, certo?

Enoteca Decanter
Taças para degustação da Enoteca Decanter (Foto: Ligia Skowronski)

Vamos começar com uma de suas paixões: os vinhos. Em São Paulo há boas lojas do gênero uma das melhores é a Enoteca Decanter. Ali o extenso catálogo de1 600 opções vindas de dezoito países e um wine-bar estão na medida para enlouquecer o ídolo.

Uma frase atribuída ao intérprete rola na internet e diz que ele não gosta de cerveja nacional e feijoada. Ok, vamos te poupar de traçar uma feijuca, Ed. Sugerimos então uma refeição no Dalva e Dito, o restaurante "brasileiro-para-gringo-ver" de Alex Atala. Entre as delícias servidas na casa está o peixe amazônico pirarucu passado na chapa. Se o nosso homenageado estiver com fome na madrugada, pode ainda se jogar na famosa galinhada. Mas será que o prato não é muito simplório? 

+ São Paulo para os fortes: treze programas para quem tem coragem

Será que ele gosta de comida portuguesa? Num sincero tributo ao Manuel (hahaha), ele pode optar por dois dos melhores restaurantes da categoria na capital, A bela SintraTasca da Esquina.

Para fechar o assunto comilança: duas ideias inspiradas no cardápio que ele sugeriu para acompanhar o show desta sexta (17). Ceviche bacana dá para encontrar no La Mar, no Itaim Bibi. O panetone para grelhar o ano inteiro e não apenas no Natal e na apresentação no Terra da Garoa está disponível nas lojas da Casa Bauducco na cidade.

La Mar Cebicheria Peruana - jantar harmonizado
Uma das pedidas do La Mar Cebicheria Peruana (Foto: Juliana Gennari)

Talvez o Ed não seja muito de badalar, mas na cidade tem uns lugares bonitos e frequentados por gente fina, elegante e sincera. Pode ser até que ele até encontre gente falando inglês por ali (!). Duas dicas: The View e Baretto.

Apesar de suas opiniões polêmicas, Ed Motta é um músico de mão-cheia. E uma das coisas mais legais que ele faz é colecionar vinis. Ajeitadíssima, a Sensorial Discos funciona como bar e loja, com direito a apresentações ao vivo. Ele vai pirar também na Galeria do Rock. Caso ele queira ver um show, o Bourbon Street e o Tom Jazz, ambos de ambiente mais intimista e com algumas atrações estrangeiras, veja só. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO