Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Passaporte da vacina: três formas de obter o comprovante de imunização

Eventos são obrigados a pedir o documento para os visitantes; plataformas do poder público funcionam em diferentes formatos

Por Redação VEJA São Paulo 30 set 2021, 10h01

Para entrar em um evento na capital paulista após flexibilização de medidas tomadas pela Covid-19, alguns estabelecimentos podem exigir a apresentação de um comprovante de vacinação contra a doença. No caso do estado de São Paulo, a medida é obrigatória para qualquer tipo de aglomeração com mais de 500 pessoas.

Eventos como a Bienal de Artes, que ocorre no Pavilhão do Ibirapuera, exigem na entrada o documento. Depois de se vacinar, o munícipe pode obter o comprovante por três plataformas digitais: o Conecte SUS, o Poupatempo Digital e o e-saúde SP geridos pelo governo federal, estadual e municipal, respectivamente, e disponíveis para iOS e Android.

É bom baixar as plataformas antes de sair de casa para realizar os cadastros necessários com antecedência e evitar transtornos. Alguns programas possuem a opção de baixar o documento por PDF e driblar a necessidade de entrar nos aplicativos toda vez que for entrar em um local. Já outras mostram o certificado em inglês, facilitando a vida de quem viaja para o exterior. Veja:

CONECTE SUS

O aplicativo do Ministério da Saúde pode ser acessado pelo smartphone ou também por meio do site conectesus.saude.gov.br. Um cadastro prévio, que solicita o e-mail e o CPF do usuário, é necessário.

Depois de baixar o app, basta clicar na aba inferior “histórico” que a tela “vacinas” exibirá automaticamente o status da vacinação do cidadão. Logo abaixo, o botão “carteira de vacinação digital” exibe um certificado de imunização que contém um QR Code e pode ser baixado e salvo em PDF ou impresso.

Caso você tenha tomado a primeira ou a segunda dose e alguma delas não conste no sistema, é indicado entrar em contato com a unidade de saúde que te imunizou ou clicar na aba “mais” do aplicativo, onde a opção “fale com o Conecte SUS” permite o esclarecimento de dúvidas.

Continua após a publicidade

Outra facilidade do app é exibir a versão digital do seu cartão do SUS.

POUPATEMPO DIGITAL

Logo depois de realizar o login, o serviço mostra na parte inferior a aba “serviços”. Ali o usuário encontra opções relacionadas ao Detran, Sabesp e débitos com o governo estadual. A última opção da direita é “vacinação Covid-19”, com o ícone de uma seringa.

Depois de clicar ali, o app te direciona para uma página com três opções, entre elas “carteira de vacinação”. Uma curiosidade é que é possível validar também o certificado de vacinação de outras pessoas, por meio da opção “validação do certificado de vacinação”, que lê o QR Code gerado pelo comprovante.

Depois de clicar em “carteira de vacinação”, o documento é exibido, também com uma opção de baixar o item por PDF. O app permite também que o usuário baixe uma versão em inglês do certificado de vacinação, útil para viagens internacionais.

E-SAÚDE SP

Após se registrar (para os celulares com leitor biométrico, é possível ativar essa forma de login), o usuário encontra logo na tela inicial a opção “carteira de vacinação”, com uma seringa. Por ali pode-se achar a unidade de saúde mais próxima.

Depois de clicar na opção, são exibidas as doses de Covid-19 que já foram tomadas pelo usuário, sem a opção de baixar o comprovante em PDF.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade