Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Picchi

(Desde 2014)

Tipos de Restaurantes: Italianos

VejaSP:

Endereço: Rua Oscar Freire, 533 - (Hotel Regent Park) - Jardim Paulista - São Paulo - SP ver no mapa

Telefone: (11) 30655560

Site: https://restaurantepicchi.com.br/

Horário:

segunda-feira - Fechado

terça-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:00

quarta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:00

quinta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:00

sexta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:00

sábado 12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:00

domingo 12:00 - 16:00

Faixa de preço: De R$226,00 a R$395,00

Informações adicionais: Entrega em domicílio, Acesso para deficientes, Lugares/Capacidade total (46), Levar vinhos (permite) (R$ 130,00)

Resenha por Arnaldo Lorençato

É um dos melhores representantes italianos da cidade, com uma cozinha feita com modernidade e traços autorais. Sócio e responsável pelo cardápio, Pier Paolo Picchi trabalha de maneira sazonal e ali não existe tédio, há sempre renovações. Com tantas variações, alguns pratos costumam impressionar o paladar mais do que outros. Na última degustação (R$ 385,00, oito etapas) provada no restaurante, eram soberbos o carapau na torrada, o caviar ossetra com presunto cru e o sorvete de pimentão vermelho sobre bagna calda emulsionada em maionese de alho, azeite e aliche e o pappardelle fresco ao ragu de pato. Não tinham a mesma expressão o marshmallow de parmesão, o ouriço do mar numa cestinha de alga nori com um dispensável travo amargo e a bem executada royal de pato, mas com excesso de manteiga, regado por brodo da própria ave na companhia de pirulito de foie gras, que faz lembrar as deliciosas estrepolias do chef italiano Massimo Bottura, do Osteria Francescana, em Modena. Fecha com brilho a refeição a salada com hortaliças e frutas (abobrinha, mandioquinha, batata-doce-roxa, mirtilo, amora e framboesa), num ótimo caldo de melão.

Informações checadas entre agosto e outubro de 2021.

    É um dos melhores representantes italianos da cidade, com uma cozinha feita com modernidade e traços autorais. Sócio e responsável pelo cardápio, Pier Paolo Picchi trabalha de maneira sazonal e ali não existe tédio, há sempre renovações. Com tantas variações, alguns pratos costumam impressionar o paladar mais do que outros. Na última degustação (R$ 385,00, oito etapas) provada no restaurante, eram soberbos o carapau na torrada, o caviar ossetra com presunto cru e o sorvete de pimentão vermelho sobre bagna calda emulsionada em maionese de alho, azeite e aliche e o pappardelle fresco ao ragu de pato. Não tinham a mesma expressão o marshmallow de parmesão, o ouriço do mar numa cestinha de alga nori com um dispensável travo amargo e a bem executada royal de pato, mas com excesso de manteiga, regado por brodo da própria ave na companhia de pirulito de foie gras, que faz lembrar as deliciosas estrepolias do chef italiano Massimo Bottura, do Osteria Francescana, em Modena. Fecha com brilho a refeição a salada com hortaliças e frutas (abobrinha, mandioquinha, batata-doce-roxa, mirtilo, amora e framboesa), num ótimo caldo de melão.

    Informações checadas entre agosto e outubro de 2021.