Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Huto Kohi

Tipos de Restaurantes: Japoneses

VejaSP:

Endereço: Rua Leopoldo Couto de Magalhães Júnior, 741 - São Paulo - SP ver no mapa

Telefone: (11) 30713765

Horário:

segunda-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:00

terça-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:00

quarta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 23:00

quinta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00

sexta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00

sábado 19:00 - 00:00

domingo - Fechado

Faixa de preço: De R$111,00 a R$165,00

Informações adicionais: Lugares/Capacidade total (49)

Resenha por Saulo Yassuda

Ex-braço-direito do premiado sushiman Jun Sakamoto, o paraibano José Francisco Araújo tem um novo balcão para cuidar. Desde outubro ele prepara bons sushis no Huto Kohi, estabelecimento recém-aberto pelo empresário Fabio Yoshinobu Honda, também ex-funcionário de Sakamoto. Trata-se do terceiro endereço de Honda, que administra ainda o Huto — onde Araújo passou os últimos três anos —, em Moema, e o Huto Izakaya, no Campo Belo. O Kohi tem clima mais informal e não trabalha com menu degustação a preço fechado, forte da casa-mãe de Moema. Disponíveis por unidade, os niguiris de arroz temperado com precisão recebem peixes variados, como o olhete firme (R$ 10,00) e o buri (R$ 10,00). Exclusividade do novato, o maguro takô (R$ 48,00, quatro unidades) é composto de fatias finas de atum cru enroladas em tiras de polvo ao limão, shoyu e com um toque de azeite trufado. Só no almoço, dá para encontrar atraentes menus fechados, entre eles o combinado kohi (R$ 75,00), com nove fatias de sashimi de salmão, atum e robalo, quatro niguiris e quatro enrolados, além de missoshiru, entrada e sobremesa do dia. Um tiquinho a mais de sal faria bem à costela suína (R$ 42,00), uma das poucas opções quentes. Macia e tostada nas beiradas, ela é servida com um cremoso purê de cará.

Informações checadas em janeiro de 2019.

    Ex-braço-direito do premiado sushiman Jun Sakamoto, o paraibano José Francisco Araújo tem um novo balcão para cuidar. Desde outubro ele prepara bons sushis no Huto Kohi, estabelecimento recém-aberto pelo empresário Fabio Yoshinobu Honda, também ex-funcionário de Sakamoto. Trata-se do terceiro endereço de Honda, que administra ainda o Huto — onde Araújo passou os últimos três anos —, em Moema, e o Huto Izakaya, no Campo Belo. O Kohi tem clima mais informal e não trabalha com menu degustação a preço fechado, forte da casa-mãe de Moema. Disponíveis por unidade, os niguiris de arroz temperado com precisão recebem peixes variados, como o olhete firme (R$ 10,00) e o buri (R$ 10,00). Exclusividade do novato, o maguro takô (R$ 48,00, quatro unidades) é composto de fatias finas de atum cru enroladas em tiras de polvo ao limão, shoyu e com um toque de azeite trufado. Só no almoço, dá para encontrar atraentes menus fechados, entre eles o combinado kohi (R$ 75,00), com nove fatias de sashimi de salmão, atum e robalo, quatro niguiris e quatro enrolados, além de missoshiru, entrada e sobremesa do dia. Um tiquinho a mais de sal faria bem à costela suína (R$ 42,00), uma das poucas opções quentes. Macia e tostada nas beiradas, ela é servida com um cremoso purê de cará.

    Informações checadas em janeiro de 2019.