Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Adega Santiago

(Desde 2006)

Tipos de Bares: Bar-restaurante

VejaSP:

Endereço: Rua Sampaio Vidal, 1072 - Jardim Paulistano - São Paulo - SP ver no mapa

Telefone: (11) 30815211

Site: adegasantiago.com.br

Horário:

segunda-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00

terça-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00

quarta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00

quinta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00

sexta-feira 12:00 - 00:00

sábado 12:00 - 00:00

domingo 12:00 - 00:00

Informações adicionais: Entrega em domicílio, Lugares/Capacidade total (150), Levar vinhos (permite) (R$ 70)

Resenha por Saulo Yassuda

Pertinho de avenidas frenéticas — a Faria Lima e a Rebouças —, o ponto do bar-restaurante é até que tranquilo. Lá dentro, porém, o ritmo dos garçons precisa ser igualmente acelerado, já que público não falta no salão meio rústico, meio chique. Até um ambiente extra, de entrada independente da unidade, foi inaugurado ao ar livre. Tanto sucesso tem o porquê: a cozinha bem cuidada, que está em boa fase (nos últimos dois anos, a experiência gastronômica era vacilante). Comprova-se a qualidade desde os petiscos, como o bom bolinho de bacalhau sobre molho de tomate com uma fatia de chorizo (R$ 19,00) e a porção de linguiça de pato com mostarda de Dijon mais um pãozinho (R$ 24,00). Esses acepipes acompanham bem o chope Tarantino IPA (R$ 17,00) ou ainda um dos 130 rótulos de vinho — a maioria ibérico — da carta. Boa parte das receitas do menu é marítima, como o bacalhau à romaneira (ao forno com cebola-roxa, ovo e uma úmida farofa de broa e couve com castanha portuguesa; R$ 138,00). A espetada do mar (polvo, lula e camarão grelhados; R$ 92,00) tem a possibilidade de vir acompanhada de batata rústica (R$ 23,00).

Informações checadas entre agosto e outubro de 2021.

    Pertinho de avenidas frenéticas — a Faria Lima e a Rebouças —, o ponto do bar-restaurante é até que tranquilo. Lá dentro, porém, o ritmo dos garçons precisa ser igualmente acelerado, já que público não falta no salão meio rústico, meio chique. Até um ambiente extra, de entrada independente da unidade, foi inaugurado ao ar livre. Tanto sucesso tem o porquê: a cozinha bem cuidada, que está em boa fase (nos últimos dois anos, a experiência gastronômica era vacilante). Comprova-se a qualidade desde os petiscos, como o bom bolinho de bacalhau sobre molho de tomate com uma fatia de chorizo (R$ 19,00) e a porção de linguiça de pato com mostarda de Dijon mais um pãozinho (R$ 24,00). Esses acepipes acompanham bem o chope Tarantino IPA (R$ 17,00) ou ainda um dos 130 rótulos de vinho — a maioria ibérico — da carta. Boa parte das receitas do menu é marítima, como o bacalhau à romaneira (ao forno com cebola-roxa, ovo e uma úmida farofa de broa e couve com castanha portuguesa; R$ 138,00). A espetada do mar (polvo, lula e camarão grelhados; R$ 92,00) tem a possibilidade de vir acompanhada de batata rústica (R$ 23,00).

    Informações checadas entre agosto e outubro de 2021.