Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Presidente da Mancha Verde usa Facebook para xingar jurada por nota baixa

Paulo Serdan chamou julgadora de "infeliz" e pediu que seguidores também se manifestassem. Escola foi rebaixada para o grupo de acesso

Por Veja São Paulo Atualizado em 5 dez 2016, 12h46 - Publicado em 21 fev 2015, 11h13

 

O presidente da Escola de Samba Mancha Verde, Paulo Serdan, divulgou em seu perfil no Facebook uma foto da jurada do Carnaval de São Paulo Ayme Okasaki e chamou-a de “infeliz” e “Ayme dos infernos”. Serdan afirma que ela foi a responsável pelo rebaixamento da escola, com uma nota 9,6 no quesito fantasia. “Mandem um recadinho no Face da jurada nossa amiga Ayme dos infernos”, escreveu.

Abaixo do texto, colocou uma foto dela e afirmou: “Essa é a jurada de fantasia que nos deu 9,6 pois disse que os materiais eram repetitivos das alas 17 e 18, Ayme Okasaki o que dizer do vestidinho dela, sabe nada de moda essa infeliz…. Ela nos derrubou…”, disse.

+ Rebaixamento da Mancha Verde no Carnaval gera memes na internet

Muitos seguidores insultaram a jurada na rede social. A publicação também foi compartilhada pelo perfil oficial da Mancha Verde no Facebook. O presidente da organizada ainda prometeu, em outro post, divulgar o perfil de outros “jurados amigos”.

+ Vai-Vai vence o Carnaval paulistano

A Mancha Verde foi rebaixada ao lado da Tom Maior. A escola da torcida palmeirense levou à avenida o enredo “Quando surge o alviverde imponente, 100 anos de lutas e glórias”, uma homenagem ao centenário do clube.

Continua após a publicidade

Publicidade