Clique e assine por apenas 6,90/mês

Fábio Barreto, diretor ‘Lula, o Filho do Brasil’, morre aos 62 anos

O cineasta estava em coma havia quase dez anos

Por Estadão Conteúdo - Atualizado em 14 Feb 2020, 15h50 - Publicado em 21 Nov 2019, 12h00

Morreu, na noite desta quarta-feira (20) no Rio, o cineasta, ator produtor e roteirista Fábio Barreto, diretor de filmes como Lula, o Filho do Brasil e O Quatrilho. Ele tinha 62 anos e estava em coma desde dezembro de 2009, após sofrer um acidente de carro na Rua Real Grandeza, no bairro de Botafogo.

Baseado no livro homônimo de José Clemente Pozenato e estrelado por Glória Pires e Patrícia Pillar, O Quatrilho (1995) foi indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro.

Filho mais novo de Luís Carlos Barreto e Lucy Barreto, e irmão do também cineasta Bruno Barreto, Fábio atuou no primeiro curta-metragem, Três Amigos que Não Se Separam, quando tinha 9 anos.

Ele deixa quatro filhos. Era casado com a atriz Débora Kalume desde 2003.

Publicidade