Desequilíbrios no Plano Diretor

Fernando Chucre comenta a realidade conflituosa entre associações de bairro, mercado imobiliário e arquitetos

A altura dos prédios no miolo dos bairros deveria aumentar? As poucas áreas onde é possível adensar mais – como na avenida Rebouças ou ao redor das estações de metrô- ficaram muito caras por conta do novo Plano Diretor? Responsável por aplicar o Plano e propor mudanças na Lei de Zoneamento, o secretário de Urbanismo, Fernando Chucre, explica no podcast #SPsonha seus sonhos para a cidade, e a realidade conflituosa entre associações de bairro, mercado imobiliário e arquitetos. Chucre, ele próprio arquiteto, diz ao redator-chefe da Vejinha Raul Juste Lores que sonha com a simplificação de leis e burocracias. “Hoje tem arquiteto que virou despachante, sem desenhar nada, só para entender as leis”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s