Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Autópsia confirma causa de morte de Benjamin, neto de Elvis Presley

Lisa Marie Presley está "com o coração completamente quebrado, inconsolável e muito devastada", disse seu assessor

Por Redação VEJA São Paulo 15 jul 2020, 09h24

Benjamin Keough, neto de Elvis Presley, cometeu suicídio. A informação foi confirmada por um porta-voz do Departamento de Polícia de Los Angeles ao site TMZ. A autópsia, que foi concluída na segunda (13), aponta que o jovem de 27 anos deu um tiro de espingarda na boca. 

O rapaz foi encontrado morto em Calabasas, na Califórnia, no domingo (12). De acordo com o tabloide Daily Mail, ele foi internado em uma clínica de reabilitação para tratar do vício em drogas, incluindo álcool.

A mãe, Lisa Marie Presley, está “com o coração completamente quebrado, inconsolável e muito devastada” após a morte do filho, disse seu assessor. Ela também está “tentando permanecer forte por seus gêmeos de 11 anos e sua filha mais velha, Riley”.

Pouco se sabe sobre a vida de Benjamin, que era bastante discreto. Segundo o Daily Mail, ele era músico e chegou a fechar um contrato milionário com uma gravadora em 2009. Nas redes sociais, não costumava postar muitas fotos.

Lisa Marie compartilhou há um tempo uma foto de família em que Benjamin aparece e não demorou para que fãs apontassem semelhanças físicas entre ele e Elvis Presley. A última foto dela é uma imagem em preto, simbolizando seu luto.

View this post on Instagram

Mama Lion with cubs ❤️🖤💚💙🦁🥰

A post shared by Lisa Marie Presley (@lisampresley) on

  • Continua após a publicidade
    Publicidade