Clique e assine por apenas 6,90/mês

Busch Gardens revela montanha-russa híbrida mais rápida e íngreme do mundo

Atração será inaugurada no segundo trimestre de 2020

Por Redação VEJA São Paulo - 13 Sep 2019, 18h23

O parque de diversões Busch Gardens, pertencente ao grupo Sea World, anunciou nessa quinta-feira (12) a chegada de uma nova atração ao espaço de Tampa Bay, na Flórida, nos Estados Unidos. Trata-se da Iron Gwazi, a montanha-russa híbrida mais rápida e íngreme do mundo, que será lançada no segundo trimestre de 2020.

O brinquedo, que chega a 63 metros de altura, tem uma queda a 91 graus e atingirá velocidade máxima de 122 quilômetros por hora. Além disso, a viagem inclui três inversões de sentido e doze picos de airtime (sensação de gravidade zero). A atração foi catalogada como híbrida porque possui elementos de madeira e de aço durante o trajeto de 1 242 metros. 

O parque do Sea World, em Orlando, na Flórida, também tem uma novidade radical: a montanha-russa de arremessos Ice Breaker. Ao todo, são quatro movimentos de gangorra, para frente e para trás. A atração alcança 28 metros e um ângulo de 100 graus. Ela também está prevista para o ano que vem.

Ice Breaker Sea World/Divulgação
Publicidade