Clique e assine por apenas 6,90/mês

Alberto Barbour e o potencial do Bixiga

O arquiteto e urbanista fala de sua primeira grande obra pública: o restauro e adaptação do Teatro Brasileiro de Comédia, o TBC

Por Raul Juste Lores - Atualizado em 5 Maio 2020, 11h52 - Publicado em 5 Maio 2020, 11h28

Há quase uma década à frente da reforma do Teatro Brasileiro de Comédia (TBC), o arquiteto Alberto Barbour, do escritório Urdi Arquitetura, conhece de perto as inúmeras promessas para melhorar o bairro do Bixiga. No podcast #SPsonha, ele fala sobre os diversos imoveis abandonados ou subutilizados ali, como a burocracia que protege edifícios tombados pode inviabilizar novos usos por lá, e porque a região poderia repetir o sucesso de atração do bairro de Santa Cecilia.

Publicidade