Clique e assine por apenas 5,90/mês

Adolescente encontra lista de desejos que pai deixou após morrer

"Ver a Ju casar" e "cuidar dos meus netinhos" estavam entre os 26 planos do homem, que morreu aos 53 anos

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 6 out 2020, 19h31 - Publicado em 6 out 2020, 19h29

Ramon do Vale Vicente morreu em dezembro de 2019, aos 53 anos, vítima de leucemia, em Minas Gerais. Sua filha, Júlia, 16, estava celebrando o aniversário do pai, que nasceu em 26 de setembro, quando encontrou uma surpresa no celular do homem. No bloco de notas, uma lista do que ele queria fazer ao sair do hospital.

Ela compartilhou prints da lista nas redes sociais. Eram 26 planos, que nunca foram completados. “Quando eu sair do hospital, eu vou: viajar na praia com a Ju, ir em Nova York com a Ju na neve, ver a Ju casar, cuidar dos meus netinhos, ajudar as crianças no hospital, fazer tatuagem com a Ju…”.

“Encontrei essa lista que meu pai escreveu no hospital antes de morrer. Podem ter certeza que irei realizar toda essa lista do meu papai! E eu tenho certeza que ele vai estar junto comigo nesses momentos especiais”, escreveu ela no Twitter, em um post que contou com mais de 144 000 curtidas.

Em entrevista para a BBC Brasil ela falou sobre a morte do pai. “Quando a gente perde, é horrível. Acho que as pessoas deveriam aproveitar enquanto podem, ainda mais agora em tempos de pandemia. A gente tem que aproveitar quem a gente ama, passar mais tempo, curtir, contar as coisas, aproximar mais”, afirmou.

O nome Fernanda que aparece na lista é o da mãe de Júlia: o casal era separado, mas reatou o relacionamento durante o tratamento contra a leucemia. “Eu fiquei com ele 30 dias sem sair do hospital. Acompanhei ele por todo o período, e nesse período a gente se acertou, a gente curou as feridas, e a gente retomou o relacionamento”, conta Fernanda. “Nossa história é triste e bonita ao mesmo tempo. Dizem que Deus tem propósito para todo mundo. A gente se afastou, se acertou e retomou.”

https://www.instagram.com/p/B24_fU5FvDP/

Continua após a publicidade
Publicidade