Clique e assine por apenas 6,90/mês

Ideias para deixar sua casa e seu corpo aquecidos neste inverno

Prepare os ambientes do lar para o frio e aprenda uma receita deliciosa de Salmón de Chile para aquecer estômago e alma!

Por Abril Branded Content - 1 jul 2019, 16h42

Durante a temporada de frio, ficar em casa acaba sendo o programa preferido de muitos paulistanos, na tentativa de escapar das temperaturas mais baixas nas ruas. A seguir, separamos alguns truques simples que ajudam a deixar a casa ainda  aconchegante na estação, e evitar que o ar frio reine nos ambientes. 

Acenda velas e abajures

iStock/Divulgação

No lugar da luz direta e branca, aposte no uso de luminárias e abajures com lâmpadas de luz amarelada, que dão um toque mais aconchegante aos ambientes. Vale ainda decorar as mesas de centro ou laterais com candelabros e castiçais, e acender as velas quando estiver no ambiente. Além de poupar nos custos de energia, as velas funcionam como miniaquecedores e dão aquele charme a qualquer noite invernal.

Troque as cortinas

Esse truque é um dos mais eficazes para manter a casa quente e evitar a perda de calor através das janelas. Cortinas com tecidos mais grossos ajudam a reter o calor que entrou durante o dia. O ideal é deixar as cortinas bem abertas durante o dia, para que a luz do sol entre, e fechá-las um pouco antes de anoitecer, quando o vento começa a ficar frio. Há modelos com revestimento térmico, mas, para economizar, você pode comprar um tecido mais grosso ou de lã e revestir a que já tem em casa. Depois, no verão, é só retirar a camada.

Vista o chão com tapetes 

Os pisos respondem por até 10% da perda de calor na casa, se não estiverem isolados, segundo a National Energy Foundation (NEF), fundação inglesa dedicada à promoção do uso eficiente de energia. Já reparou que o piso do banheiro parece mais frio no inverno? Isto porque materiais comumente usados no revestimento dessas áreas, como cerâmica e cimento, não seguram o calor, deixando a casa mais fria. Portanto, no inverno, cobrir o chão com tapetes felpudos e quentinhos faz toda a diferença – além de conferir mais aconchego ao ambiente.

Troque o chinelo por pantufas fofas e meias

iStock/Divulgação

Pés e mãos mais frios no inverno são uma constante já comprovada pela ciência. Trata-se, na verdade, de um mecanismo de defesa do corpo, que diminui a circulação de sangue nas extremidades para garantir o fluxo necessário para aquecer os órgãos internos. Dar uma ajudinha para mantê-los aquecidos, portanto, é essencial. Dentro de casa, prefira usar pantufas forradas no lugar de chinelos de borracha. Meias de lã, tecido que funciona como isolante térmico, também são uma ótima escolha.

Vede portas e janelas

No verão não se percebe, mas o ar externo passa pelas frestas das portas e janelas se não estiverem bem vedadas. O contrário também vale: o calor de dentro se dissipa por meio dessas aberturas. Para evitar esse entra e sai, você pode colar fitas adesivas nas esquadrias, entre os vidros e as molduras das janelas e também embaixo e nas laterais das portas. Chamadas de “veda-frestas”, essas fitas são facilmente encontradas em lojas de bricolagem e produtos para casa e construção.

Invista em cores e texturas

Decorar a casa com cores quentes e texturas ajuda a promover uma percepção de calor e aconchego. Sabe aquela capa de almofada que já está desbotando? Pois agora é a hora perfeita para trocá-la! Aposte em tons mais fechados, como bordô ou roxo, ou mais escuros, como cinza ou cobre. Tecidos como o veludo 100% algodão, mais macio e encorpado, também são a cara da estação. As cores podem aparecer ainda em mantas de tricô e crochê espalhadas sobre cadeiras, poltronas e sofás. Além de aquecer, elas conferem estilo à sala. 

Apele para os gadgets

De olho nos mais friorentos, o mercado de eletrônicos já inventou uma série de produtos que ajudam a esquentar. O cobertor elétrico é um exemplo. Mais econômico do que um aquecedor, mantém a cama aquecida durante toda a noite. Sente frio nas mãos enquanto trabalha? Já existe esquentador de mão com saída USB para você – basta conectar no computador. O problema maior é nos pés? Tapete elétrico neles!

Tome banho de porta aberta

A lógica aqui está em permitir que o ar quente e úmido do banho se espalhe para o resto da sua casa. Isto porque a umidade ajuda a aumentar a temperatura dentro de casa. 

Convide os amigos 

O inverno é a época ideal para chamar os amigos e fazer uma festinha em casa. Afinal, quanto mais calor humano junto, mais quente fica o ambiente. Motivos e programas não faltam: assistir a filmes, tomar um bom vinho…

Continua após a publicidade

Vá para a cozinha!

Salmón de Chile/Divulgação

Cozinhar também é uma ótima maneira de se aquecer e esquentar a casa no inverno. Pratos que precisam ser servidos bem quentes são a receita ideal. Você pode preparar ensopados, que demandam um longo período de cozimento, deixando o ambiente bem quentinho. Pratos que vão ao forno também funcionam bem. A receita abaixo, além de esquentar o estômago, faz bem à saúde, por ser preparada com Salmón de Chile, peixe rico em nutrientes e ômega-3. Dica: quando a lasanha estiver pronta, deixe a porta do forno aberta alguns minutos para que o ar quente se espalhe pela casa.

Lasanha de salmão

Com ricota, queijo parmesão e ervas frescas

Rendimento: 8 porções

Para a massa:

  • 8 ovos
  • 1 kg de farinha de trigo
  • Sal a gosto
  • Manteiga para untar

Para o recheio:

  • 600 gramas de filés de Salmón de Chile
  • 600 gramas de ricota
  • 2 colheres (sopa) de alcaparras
  • 1 xícara (chá) de creme de leite
  • Sal e pimenta recém-moída
  • 1 folha de louro
  • 1 limão
  • 3 colheres (sopa) de queijo parmesão 

Modo de preparo:

Aqueça uma panela com pouca água, meio limão e uma folha de louro, até ferver. Coloque o filé de Salmón de Chile e cozinhe por 5 minutos até que amoleça. Desfie o peixe com um garfo, misture as alcaparras e tempere com sal e pimenta. 

Em paralelo, prepare a massa. Misture os ovos um a um com a farinha e sal. Amasse bem até formar uma massa homogênea que não grude nos dedos. Divida a massa em duas ou três partes e abra-as usando um rolo. Corte as partes em quadrados grandes e coloque em uma bandeja enfarinhada. 

Aqueça uma panela com muita água. Quando ferver, adicione sal e cozinhe a massa, uma a uma, até que esteja al dente. Reserve as fatias em um prato com água fria enquanto cozinha o resto. 

Unte uma forma retangular média com uma camada de manteiga. Forre o fundo com uma camada de massa, espalhe por cima salmão desfiado, ricota e creme fresco. Cubra novamente com massa e repita o mesmo processo do recheio até ter cerca de três a quatro camadas de massa.

Finalize a lasanha com uma camada de massa e polvilhe um pouco de queijo parmesão ralado e creme fresco. Aqueça o forno a 200 ºC e gratine a lasanha. Sirva quente.

Continua após a publicidade
Publicidade