Clique e assine por apenas 6,90/mês

Clientes desvendam assassinato no Jantar Mistério

Os participantes do jogo, que é um misto de refeição e peça de teatro, viram personagens para decifrar um mistério

Por Gabriela Santos - Atualizado em 30 out 2018, 15h36 - Publicado em 30 out 2018, 15h05

Inspirados por uma viagem a Portugal, os atores Douglas Moreira e Eder Progetti criaram o Jantar Mistério, um jogo em que os comensais precisam solucionar um crime durante a refeição. No evento, que confunde jantar e peça de teatro, até os clientes atuam.

Indicado para no mínimo dez pessoas, o Jantar Mistério não tem lugar fixo para acontecer. É ambientado na casa ou no salão de festas de quem contrata a trupe de atores. Os convidados devem descobrir quem cometeu o assassinato em uma trama baseada no ladrão Gino Meneghetti, personagem “anfitrião” do evento, morto há poucos minutos do início do jantar.

Os idealizadores: Douglas Moreira e Eder Progetti Divulgação/Divulgação

“No fim das contas, todo mundo acaba fazendo teatro”, conta Douglas Moreira que, junto ao seu sócio, é responsável por interpretar os personagens, levar os garçons e conduzir o jogo. “Quando vamos embora até a louça está limpa.”

O jantar com cardápio adaptado de acordo com as preferências do cliente é preparado por um chef que vai até a casa, e os valores começam a partir de 240 reais, podendo aumentar quando bebidas como vinho, café e água são incluídas.

Uma das opções que podem aparecer são bruschetta de entrada, risoto de parmesão ao limão-siciliano e escalope de filé-mignon ao molho de vinho tinto como prato principal e brownie de chocolate com sorvete de creme para encerrar.

No total, trinta jantares  já foram realizados pelos atores, que pretendem abrir um espaço próprio para receber pessoas que quiserem conhecer a brincadeira e não possuem o número mínimo de convidados para isto. Para quem ficou curioso, basta acessar o site.

Conheça um pouco mais da brincadeira no vídeo abaixo:

Continua após a publicidade
Publicidade