Conheça Spencer Amereno Jr., o bartender do ano

O perito da coquetelaria transformou um espaço caído em um dos maiores bares da cidade

Todos querem Spencer. Depois de conquistar um esquadrão de tietes etílicos pelos balcões por onde passou — o extinto MyNY Bar e o Isola —, o bartender fixou-se em 2015 no Frank. O bar do Hotel Maksoud Plaza, para o qual ninguém dava muita bola, sai da obscuridade com a vinda do profissional. Sua vasta lista de funções inclui, além de agitar as coqueteleiras, supervisionar as compras, treinar a brigada e cuidar de mídias sociais. O tempo ocioso ele utiliza para manter ligado o processo inventivo na cachola — anota todas as ideias de drinques em um documento de Word no celular. “Já estou criando a próxima carta”, afirma. Detalhe: faz apenas três meses que a lista atual foi lançada. Para dar conta das tarefas, treina a equipe até cada componente virar uma extensão do próprio titular. Ainda assim, há quem vá embora do endereço se o barman número 1 não estiver na bancada, sem saber o que está perdendo. Não é fácil ser Spencer.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s