Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Vida Boa Por Bárbara Öberg A repórter Bárbara Öberg fala sobre bem estar, exercícios, saúde e novidades para melhorar a rotina.

Garrafinha pode ter mais germes do que pote de água para cão

Análise mostrou qual tipo de recipiente acumula mais bactérias

Por Tatiana Izquierdo Atualizado em 31 dez 2017, 18h53 - Publicado em 15 nov 2016, 11h05

Se você tem nojo de ganhar aquela lambida de um cachorro entusiasmado, cuidado! Pois a sua inseparável garrafinha d’água – pasmem! – pode conter bem mais bactérias do que a bacia de água seu pet. E pior: em alguns casos pode transmitir doenças, de infeção à diarreia.

A descoberta é resultado de uma pesquisa feita pelo site TreadmillReviews.net. Nela, concluiu-se que, se você usar sua garrafa plástica por uma semana e não lavar, ela terá, em média, 313 000 unidades de formação de colônias de bactéria/cm² (UFC/cm²), das quais mais de 60% são prejudiciais à saúde.

+ Conheça cinco técnicas para cuidar das raizes e do couro cabeludo

Assustou? Veja bem, em uma vasilha de um cachorro, essa quantidade é bem menor, de 47 383 CFU/cm², enquanto na pia da cozinha fica em torno de 3 191 UFC/cm². Outros grandes focos de bactérias são a tábua de cozinha e aqueles potinhos fofos que usamos para acomodar as escovas de dentes no banheiro.

A vasilha de água de um cachorro pode ser mais limpa do que uma garrafa plástica

Especializado na venda de esteiras de última geração, o site TreadmillReviews.net decidiu checar o “desempenho” das garrafinhas de água, acessório inseparável de quem usar esse equipamento. E encomendou a pesquisa ao laboratório EmLab P&K.

Foram analisados quantos e quais tipos de germes estavam presentes em quatro tipos de garrafa de água reutilizável: slide-top (basta deslizar a abertura para beber), squeeze, tampa de atarraxar e com canudo embutido.

O teste estipulou que essas garrafas fosse utilizadas por um grupo de doze pessoas, sem lavar. Nenhuma passou ilesa. Em média, estes recipientes tinham 313 499 unidades de formação de colônias (UFC) de bactéria por centímetro quadrado.

Campeãs de germes:

Slide top (tampa deslizável): 933 300 colônias de bactéria/cm²

Continua após a publicidade

side-top

Squeeze: 161 900 colônias de bactéria/cm²

squeeze

Tampa que sai para fora: 159 000 colônias de bactéria/cm²

garrafinha

Canudo embutido: 25 400 colônias de bactéria/cm²

canudo-embutido

É preocupante né não? Então, além de se hidratar, saiba que os cuidados com a sua garrafinha são tão importantes quanto beber água. Não custa lavar.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês