Imagem Blog

Tudo Sobre Cinema Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Continua após publicidade

Mostra de Gostoso troca pé na areia por exibição virtual grátis de 34 filmes

Entre os longas-metragens estão o clássico Vidas Secas e o inédito Cavalo

Por Miguel Barbieri Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 10 mar 2021, 12h30 - Publicado em 10 mar 2021, 12h29

A Mostra de Cinema de Gostoso é uma das experiências cinematográficas mais fascinantes que eu já tive. Realizada em São Miguel do Gostoso, no Rio Grande do Norte, ela tem projeção noturna de filmes na praia. É um evento democrático que reúne jornalistas e, sobretudo, a população local. Em espreguiçadeiras instaladas na areia, a gente assiste, a céu aberto, aos filmes, longas e curtas da competição, com o pé na areia. O silêncio é quase absoluto, já que, quem está lá, está para ver os filmes – não há cinema em Gostoso.

A realização da Mostra é dos craques Eugenio Puppo e Matheus Sundfeld, que fazem uma curadoria muito cuidadosa do audiovisual brasileiro. Fui convidado para a edição de 2019. No ano passado, por causa da pandemia, o evento foi cancelado. A boa notícia é que 7ª Mostra de Cinema de Gostoso, que começa nesta quarta (10) e vai até dia 14 de março (domingo), será virtual. Ou seja: o Brasil inteiro poderá assistir grátis aos 34 filmes da programação. Toda a programação ficará disponível durante os cinco dias da Mostra com os filmes acessados pela plataforma de streaming innsaei.tv (recomendo baixar o aplicativo). Você confere toda a programação no ótimo site da Mostra em mostradecinemadegostoso.com.br.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90.

Entre os cinco longas-metragens da Mostra Nacional, produzidos entre 2020 e 2021, está Cavalo, sobre sete dançarinos num mergulho em suas ancestralidades. A Mostra Acervo está excepcional para quem gosta de clássicos. Há, entre outros, Vidas Secas (1963), de Nelson Pereira dos Santos, e São Bernardo (1972), de Leon Hirszman. A Mostra Xanadu apresenta dois raríssimos filmes de Carlos Reichenbach: As Libertinas – Três História de Amor e Sexo (1968) e Audácia, a Fúria dos Desejos (1969). E a Sessão CineLimite exibe três filmes de 1968: A Vida Provisória, O Bravo Guerreiro e Desesperato.

Quer me seguir nas redes sociais? Anote: 

Facebook: facebook.com/paginadoblogdomiguel
Twitter: @miguelbarbieri
Instagram: miguelbarbieri
YouTube: Miguel Barbieri Jr. 

 

 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.