Imagem Blog

Terraço Paulistano

Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.
Continua após publicidade

Artista cria arte de 30 metros na Vila Madalena em apoio ao Dia do Orgulho LGBTQIA+

Felipe Morozini completou neste sábado a frase “Eu estou com você”, em homenagem à união da comunidade na luta por direitos e visibilidade

Por Humberto Abdo
Atualizado em 26 jun 2021, 16h36 - Publicado em 26 jun 2021, 16h35

O bairro da Vila Madalena, em São Paulo, recebeu neste sábado (26) uma mensagem especial dedicada ao Dia do Orgulho LGBTQIA+: “Eu estou com você”. As letras garrafais nas cores da bandeira da comunidade ocupam um terreno de 30 metros de comprimento e foram pintadas pelo fotógrafo e artista plástico Felipe Morozini em parceria com a marca de tintas Suvinil.

“Acho poderoso nos dias de hoje poder falar com empatia e olhar pra essa causa, que é também a minha causa”, diz Morozini. “A quantidade de vezes que me senti sozinho no país em que índices de violência contra gays e trans nunca diminuem… Quando fui convidado, entendi que precisava passar uma mensagem com a nova bandeira do orgulho, que incluiu novas cores.”

Nova versão da bandeira do Orgulho LGBTQIA+, que inclui homenagem aos membros negros e pardos da comunidade.
Nova versão da bandeira do Orgulho LGBTQIA+, que inclui homenagem aos membros negros e pardos da comunidade. (Daniel Quasar/Facebook/Reprodução)

A frase escolhida faz parte de um conceito assinado por Morozini sobre respeito a todas as pessoas e suas características. Cada letra terá cerca de seis metros de altura. “É um trabalho efêmero, vai saindo com a chuva. Acho bonito trabalhar nesse lugar e permitir que outros artistas criem no ano que vem.”

Para ajudar na pintura, a Suvinil também convidou colaboradores que fazem parte do BYou (grupo interno de afinidade LGBTQIA+) para colocar a mão na massa. Também participa do projeto a Casa Florescer, centro de acolhida para mulheres transexuais e travestis, que organizou uma performance para inaugurar a arte.

Continua após a publicidade

O espaço em que está a pintura foi cedido pelo projeto Mora, que oferece apartamentos prontos em bairros de grande interesse social.

Homenagens em todas as cores

Os sócios Tiago, Lígia, Vivian e Cínthia Abravanel também farão parte da longa lista de campanhas inspiradas na data. Os criadores da marca T_Jama lançarão um ensaio feito exclusivamente com modelos trans, todas moradoras da ONG Casa Florescer, que contempla o mesmo projeto de Felipe Morozini.

O ensaio, fotografado dentro da própria sede da ONG, e onde as meninas vivem atualmente, teve como principal proposta promover ainda mais acolhimento a mulheres que foram rejeitadas por suas família, empregos, escolas e universidades após o processo de transição. A partir do dia 1º de julho, a marca também inicia uma promoção que dura todo o mês e reverte 10% de suas vendas para a ONG.

 

+Assine a Vejinha a partir de 8,90.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.